Esportes

Time carioca volta a vencer após cinco jogos

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP, 1 de setembro (Folhapress) - O quarto colocado Vasco da Gama voltou a vencer depois de cinco rodadas. Bateu a Portuguesa por 2 a 0 na noite de hoje, no estádio de São Januário, pelo Campeonato Brasileiro. Pouco mais de 4 mil pessoas pagaram ingresso para ver o duelo dos clubes da colônia lusitana. O time da casa vinha em queda livre, com quatro derrotas e um empate. O Vasco, que não pode ser ultrapassado no complemento desta 21ª rodada, reduziu de cinco para três pontos a sua desvantagem em relação ao terceiro colocado Grêmio, que empatou com o Palmeiras. À Portuguesa, bastava um empate para superar Corinthians e Santos na classificação. Mas permanece na 13ª posição. O time paulista atuou desfalcado do lateral-esquerdo Marcelo Cordeiro, dos meio-campistas Ferdinando, Moisés e Héverton, do meia-atacante Ananias. Aos 36min, um cruzamento do meio-campista vascaíno Wendel desviou e encontrou na segunda trave o centroavante Alecsandro, que cabeceou para as redes. Em seguida, a Portuguesa acertou a trave. E, aos 38min, perdeu o zagueiro Valdomiro, expulso por suposta agressão a Dedé. "Senti dois socos. Um, eu vi que foi na maldade. Mas não desejo mal para ele não", afirmou ao Sportv o zagueiro vascaíno. No segundo tempo, logo aos 2min, o atacante equatoriano Carlos Tenório foi lançado por Juninho Pernambucano, ficou de frente com Dida e tocou no canto: 2 a 0. O atacante Pipico, do Vasco, também recebeu cartão vermelho aos 34min, por dar carrinho no zagueiro Gustavo. Quarta-feira, a Portuguesa recebe o Coritiba, e o Vasco encara o Náutico em Recife. VASCO Fernando Prass; Jonas (Auremir), Dedé, Douglas e William Matheus; Nilton, Wendel, Juninho e Carlos Alberto (Felipe); Carlos Tenório (Pipico) e Alecsandro. Técnico: Cristovão Borges PORTUGUESA Dida; Luis Ricardo, Gustavo, Valdomiro e Rogério; Léo Silva, Boquita, Bruninho (Ivan) e Maylson (Diguinho); Bruno Mineiro e Diego Viana (Rodriguinho). Técnico: Geninho Estádio: São Januário, no Rio Juiz: Heber Roberto Lopes (PR) Gols: Alecsandro, aos 36min do primeiro tempo. Carlos Tenório, aos 2min do segundo tempo Cartões amarelos: Dedé (V) e Maylson (P) Cartões vermelhos: Pipico (V) e Valdomiro (P)  

continua após publicidade