Esportes

Mesmo batendo no muro, Bruno Senna tem boas espectativas em Montreal

Da Redação ·
 Mesmo batendo no muro, Bruno Senna tem boas espectativas em Montreal
fonte: Divulgação
Mesmo batendo no muro, Bruno Senna tem boas espectativas em Montreal
continua após publicidade
Mesmo obrigado a assistir dos boxes aos 30 minutos finais da segunda sessão de treinos livres, depois de bater forte no "muro dos campeões" na última curva do circuito Gilles Gilleneuve, Bruno Senna manteve o discurso otimista em relação às chances da Williams nas tomadas classificatórias do GP do Canadá. "Pelo que vimos hoje, acho que estamos na beirada dos Top 10. Vamos ver, ainda precisamos analisar direitinho as relações de marcha, checar o que podemos melhorar, mas estamos próximos de nossos adversários", afirmou.
 
Bruno perdeu o controle do carro quando fazia sua segunda tentativa de volta rápida com os pneus supermacios. Na primeira, após baixar seus tempos nas duas primeiras parciais, acabou preso no tráfego na parte final. "Acho que exagerei um pouco. Os danos foram grandes, mas não preocupam. Os mecânicos vão colocar o carro em condições para os treinos do sábado sem maiores problemas", garantiu o piloto, que deixou o cockpit sozinho e sem sofrer nenhum arranhão.