Esportes

Paraná sufoca o vice-líder Náutico e avisa que está vivo na Série B

Da Redação ·
 Itaqui comemora o primeiro gol do Paraná, que subiu na tabela e mostrou novo ânimo
fonte: Agência Estado
Itaqui comemora o primeiro gol do Paraná, que subiu na tabela e mostrou novo ânimo

Um novo Paraná Clube nasceu na vitória de 2 a 0 sobre um irreconhecível Náutico na noite desta sexta-feira, na Vila Capanema. O antes cambaleante Tricolor Paranaense sufocou o time pernambucano e vice-líder da Série do Brasileiro, não dando chance para o artilheiro Kieza e toda a equipe do Timbu. Itaqui abriu o placar no primeiro tempo e Dinelson completou no segundo tempo.

continua após publicidade

A vitória levantou a moral e duas posições do time paranaense, que agora está na nona colocação. Mesmo perdendo, a equipe pernambucana permaneceu na segunda colocação. A rodada da Série B será concluída neste sábado e pode mudar a situação dos dois times.

continua após publicidade

A partida começou com o Paraná Clube disposto a mostrar que, diante da sua torcida, podia se impor. A equipe sufocou o Náutico com a defesa desarmando qualquer tentativa de ataque e foi para cima. Entre os destaques, o estreante Itaqui dava boa movimentação no meio de campo e as boas jogadas foram aparecendo.

continua após publicidade

E foi Itaqui que abriu o placar logo aos seis minutos. O jogador bateu forte de longe da área, a bola quicou na frente do goleiro Gideão e parou nas redes. Criativo, o setor ofensivo não parou e se manteve ativo. Douglas Packer protagonizou outras duas chances também de fora da área e assustando o goleiro do Timbu. Na bola parada, Marquinhos quase marcou e o Náutico só assistia.

No intervalo, o técnico Waldemar Lemos reclamou do seu time e prometeu uma equipe melhor no segundo tempo. Mas o Paraná não deu chance novamente ao Náutico e o recomeço da partida foi irresistível com Marquinhos mostrando bom futebol em um pique que quase acabou dentro do gol logo aos dois minutos.

continua após publicidade

Aos 12 minutos, o Paraná confirmou que não estava brincando com Dinelson. A jogada começou com Hernane em uma grande jogada, quando cortou o zagueiro e bateu forte para o gol. No rebote, Dinelson mandou para dentro.