Esportes

Jogador brasileiro Breno é suspeito de queimar a própria casa na Alemanha

Da Redação ·
 Jogador brasileiro é suspeito de queimar a própria casa
fonte: EFE
Jogador brasileiro é suspeito de queimar a própria casa

O zagueiro brasileiro Breno passou a ser considerado pela polícia alemã como suspeito após o incêndio que destruiu a sua casa na última terça-feira (20), em Munique, na Alemanha. A suspeita é de que ele tenha sido o responsável pelo fogo, que causou um prejuízo de cerca de 1,5 milhão de euros (R$ 3,6 milhões).

continua após publicidade

O jogador do Bayern, que estava sozinho no imóvel, não sofreu nada grave. Breno deve ser interrogado nos próximos dias para prestar esclarecimentos.

A polícia alemã não deu detalhes sobre o caso, mas admitiu que Breno passou a ser investigado pela autoria do incêndio. O Bayern de Munique confirmou em nota oficial que o zagueiro de 21 anos está sendo investigado, ressaltando sua "surpresa" com essa "nova situação".

continua após publicidade

- Nós estamos surpresos com a nova situação, de que Breno agora será investigado. Como não temos mais nenhuma informação, não podemos fazer nenhum comentário.

No dia do incêndio, a esposa de Breno, Renata, e seus três filhos não estavam em casa. Sozinho no local, o zagueiro conseguiu escapar sem grandes ferimentos, mas chegou a ser levado ao hospital por ter inalado muita fumaça. O jogador ainda não comentou o caso, mas está recebendo amparo do Bayern, clube que defende desde de 2008, quando foi vendido pelo São Paulo.

O clube alemão já providenciou uma nova casa para a família de Breno, que realizou a mudança.