Esportes

Kléber diz que a sorte não está do lado do Palmeiras

Da Redação ·
Kléber diz que a sorte não está do lado do Palmeiras
fonte: Arquivo
Kléber diz que a sorte não está do lado do Palmeiras

O atacante Kléber, do Palmeiras, disse que a sorte não está do lado da equipe alviverde, que empatou ontem (18), por 1 a 1, com o Avaí, em Florianópolis, pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro. "Lutamos, mas a falta de sorte é grande. Falta muita coisa para o time, mas isso (a falta de sorte) também está nos dificultando. No gol do Avaí, a bola bateu no Henrique e encobriu o Marcos", afirmou, referindo-se ao gol do time da casa logo aos 5 minutos de jogo. Batista chutou da esquerda, o zagueiro Henrique tentou cortar, só que a bola bateu no pé dele e encobriu o goleiro palmeirense.

continua após publicidade

Kléber também disse que a pressão da torcida, que havia protestado contra o time após a derrota para o Internacional, por 3 a 0, na 23.ª rodada da competição, e voltou a vaiar jogadores neste domingo, é decorrente da ausência de títulos. "Torcedores estão insatisfeitos mesmo. Faz muito tempo que não ganhamos um título. Quem chega no clube carrega isso".

continua após publicidade

O zagueiro Henrique exaltou a postura dos jogadores do Palmeiras na partida em Florianópolis. Segundo ele, a equipe deve se portar da mesma forma nos próximos jogos. "Buscamos até o fim a vitória mesmo com dois jogadores a menos. Isso que vale. Temos de ter essa atitude daqui em diante." O volante Marcos Assunção, que jogou bem, deixou o campo vaiado pela torcida palmeirense. "Pela posição do time (na tabela), alguém tem de ser culpado. Faz parte", afirmou.