Esportes

Anderson Silva: “O homem que disser que nunca falhou está mentindo”

Da Redação ·
 Anderson Silva: “O homem que disser que nunca falhou está mentindo”
fonte: Divulgação
Anderson Silva: “O homem que disser que nunca falhou está mentindo”

O artista das artes marciais mistas Anderson Silva foi o convidado especial do Programa da Hebe, na RedeTV, onde respondeu perguntas de Paula Sack, repórter do UFC Brasil, da faixa preta Kyra Gracie e da atriz Renata Ricci, no quadro Roda de Mulheres.

continua após publicidade

O campeão peso médio estava descontraído e foi muito simpático durante sua participação. Logo de cara, o “Aranha” respondeu uma pergunta sobre sua intimidade. A apresentadora Hebe Camargo quis saber se o especialista em Muay Thai já falhou em casa, ao que respondeu:

“Olha só, o homem que disser que nunca falhou está mentindo. Está mentindo, está mentindo”, repetiu sob aplausos da plateia.

continua após publicidade

O brasileiro se mantém no topo da categoria até 84kg há mais de cinco anos e a jornalista Paula Sack o questionou sobre o segredo para manter a mesma motivação.

“A maior motivação é você poder fazer o dom que Deus te deu, é você fazer o que gosta, fazer o que você ama. Poxa, eu levanto todos os dias e agradeço a Deus por ser perfeito no sentido de poder andar, poder correr, ouvir bem, respirar bem, então eu acho que essa é a minha maior motivação, ser saudável”.

Já Kyra Gracie fez sua pergunta com base em uma declaração de Vitor Belfort, que disse após a luta entre ambos que estava levando vantagem no combate que terminou com mais um nocaute do campeão no primeiro round.

continua após publicidade

“Eu treinei para fazer exatamente aquilo que aconteceu na luta. A gente costuma gravar todos os treinos pra depois ver onde a gente errou nos treinos, pra ver o que a gente pode mudar possivelmente na luta. Então tudo o que eu fiz na luta foi o que eu treinei, não fiz nada além do que eu tenha treinado. O que aconteceu na luta foi que eu consegui induzir ele a ficar numa posição que era melhor para mim”.

Sobre a existência de mágoa após uma vitória por nocaute como aquela sobre o “Fenômeno”, comentou: “Não, não, faz parte. Sempre vai ter um que vai sair derrotado, não tem como. Existe uma certa relação não de amizade mas de respeito maior, a gente acaba conversando depois e tal”.

“Inclusive quando eu ganhei o título do Rich Franklin a gente lutou duas vezes e ele é um dos meus melhores amigos, a gente tem uma relação muito boa. A arte marcial te dá essa coisa de respeito mútuo entre os atletas”.

Anderson terminou coroou sua participação no programa com o tradicional selinho na diva da TV brasileira e cantando uma música do cantor Luan Santana.