Esportes

Australiano vence Slater e leva prêmio recorde

Da Redação ·

O australiano Owen Wright faturou nesta quinta-feira o prêmio recorde de 300 mil dólares ao vencer a etapa de Nova York do ASP Tour, o circuito mundial do surfe. Na final, o jovem de 21 anos bateu Kelly Slater, o maior nome da história da modalidade, perante a um grande público que lotou a praia de Long Beach. Os dois já haviam se encontrado há uma semana, na final em Teahupoo, no Taiti, quando o decacampeão mundial foi o vencedor.

continua após publicidade

"Eu sempre quis fazer uma final com o Kelly (Slater). Na semana passada, em Teahupoo, foi ótimo, mas aqui foi melhor ainda com a vitória, a primeira da minha carreira", comemorou Owen Wright.

Os brasileiros foram bem em Nova York. O catarinense Alejo Muniz chegou até as semifinais, quando foi derrotado por Wright, ficando com a terceira colocação e 50 mil dólares a mais na conta bancária. Já o potiguar Jadson André e o cearense Heitor Alves, que terminaram em quinto, levaram 30 mil dólares.

continua após publicidade

"Este é o melhor resultado da minha carreira", ressaltou Alejo Muniz. "Foi a primeira vez que eu surfei aqui em Nova York e me surpreendi porque deu boas ondas a semana inteira. As pessoas nos receberam muito bem, a praia ficou lotada todos os dias e agora certamente sigo mais confiante ainda para as próximas etapas, pois finalmente consegui passar das quartas de final pela primeira vez", celebrou.

A partir da próxima etapa, de 18 a 24 de setembro em Trestles, na Califórnia, o Brasil terá mais dois representantes na elite do surfe mundial. Os paulistas Gabriel Medina e Miguel Pupo entraram no grupo dos 32 melhores do mundo e agora o País terá sete surfistas no ASP Tour. Eles se juntam a Adriano de Souza, Alejo Muniz, Jadson André, Heitor Alves e o carioca Raoni Monteiro.

Após seis etapas, Kelly Slater segue liderando o circuito mundial, com 34.950 pontos. Owen Wright já é o segundo colocado, com 31.900. Ele é seguido pelo também australiano

Joel Parkinson (30.200) e pelo sul-africano Jordy Smith (27.000). Adriano de Souza, melhor brasileiro, tem 26.750 pontos, em quinto.