Esportes

Morre o técnico Pinheiro, que revelou o atacante Ronaldo no Cruzeiro

Da Redação ·
Morre o técnico Pinheiro, que revelou o atacante Ronaldo no Cruzeiro
fonte: solidario.blog.br
Morre o técnico Pinheiro, que revelou o atacante Ronaldo no Cruzeiro

O primeiro técnico a dar uma chance como profissional ao ex-atacante Ronaldo, eternizado como ‘Fenômeno’, morreu nesta terça-feira. O ex-jogador do Fluminense e da Seleção Brasileira, Pinheiro, que depois trabalhou como treinador, faleceu vítima de câncer em um hospital do Rio de Janeiro. Ele estava internado há cerca de dois meses para tratamento.

continua após publicidade

Pinheiro morreu aos 79 anos, depois de marcar a carreira como atleta no Fluminense, clube que defendeu por 12 anos e disputou 605 jogos. Era zagueiro e vestiu também a camisa da Seleção Brasileira em 117 partidas, atuando na Copa do Mundo de 1954, na Suíça.

continua após publicidade

Como treinador, Pinheiro fez um bom trabalho no Cruzeiro e conquistou a Copa do Brasil de 1993, quando o time celeste bateu o Grêmio na final, por 2 a 1, no Mineirão. Naquele mesmo ano, ele escalou pela primeira vez no grupo profissional o atacante Ronaldo, que viria a se transformar em um dos grandes jogadores das décadas de 90 e 2000.

continua após publicidade

A estreia de Ronaldo no time profissional do Cruzeiro foi em uma vitória diante da Caldense, por 1 a 0, no Estádio Ronaldo Junqueira, em Poços de Caldas, em 25 de maio de 1993, pelo Campeonato Mineiro. Na ocasião, Pinheiro mandou a campo uma equipe sem sete titulares e o futuro 'Fenômeno' ainda era dao time júnior. Os celestes chegaram ao triunfo com gol de Ramon.

No dia 6 de maio daquele mesmo ano, Pinheiro conquistou o título da Copa do Brasil com o Cruzeiro. Depois de empatar sem gols o primeiro jogo, em Porto Alegre, o time celeste levantou a taça pela primeira vez ao ganhar por 2 a 1, no Mineirão. Os gols foram de Roberto Gaúcho e Cleison, enquanto Pingo descontou para os gaúchos.