Esportes

Flamengo mantém invencibilidade, mas só empata com o Figueirense

Da Redação ·
 Deivid marcou duas vezes, mas o Flamengo não suportou a pressão e sofreu o empate do Figueirense em Florianópolis neste domingo (14) pelo Brasileiro
fonte: Cristiano Andujar/Vipcomm
Deivid marcou duas vezes, mas o Flamengo não suportou a pressão e sofreu o empate do Figueirense em Florianópolis neste domingo (14) pelo Brasileiro

O Flamengo foi a Florianópolis neste domingo (14) em busca da quinta vitória consecutiva, na 16ª rodada do Nacional, diante do Figueirense para manter a invencibilidade e continuar disputando a ponta do Campeonato Brasileiro com o Corinthians. Os cariocas chegaram a abrir 2 a 0 com dois gols de Deivid, mas cederam o empate em 2 a 2 e perderam a chance de manter a mesma pontuação dos paulistas.

continua após publicidade

Apesar da igualdade na capital catarinense, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo atingiu 34 pontos e conservou a liderança do Brasileirão ao lado do Corinthians, que também empatou neste domingo com o Ceará em casa por 2 a 2. Os paulistas, no entanto, tem uma vitória a mais e levam a vantagem.

Se tivesse vencido, o Figueirense poderia se aproximar do grupo dos quatro primeiros, mas, com o empate, alcançou com 23 pontos e ocupa provisoriamente a 7ª posição – pode ser ultrapassado pelo Fluminense, que pega o Grêmio em Porto Alegre, e pelo Internacional, que encara o Bahia, ainda neste domingo.

continua após publicidade

Na próxima rodada, o Flamengo recebe o Atlético-GO no estádio João Havelange no Rio de Janeiro. A partida será realizada na quinta-feira (18), às 21h. O Figueirense vai tentar a reabilitação no Rio de Janeiro, onde encara o Fluminense, na quarta-ffeira (17), às 19h30.

A partida

A partida começou movimentada, com o Figueirense tomando a iniciativa e pressionando o Flamengo. Com boas trocas de passe, o time catarinense mantinha a bola no campo dos cariocas, mas não conseguia chegar com perigo à meta de Felipe. Tanto é que a primeira boa oportunidade do jogo foi do Flamengo.

continua após publicidade

Aos 19min, Deivid sofreu falta na entrada da área, e Ronaldinho cobrou. A bola ia no ângulo, mas o goleiro impediu o primeiro tento flamenguista. Um minuto depois, o Figueirense respondeu com Bruno, que fez jogada individual e arriscou de fora da área. De novo, a bola tinha o ângulo como endereço, mas Felipe fez boa defesa.

Pouco antes dos 30min, o Figueirense teve outra boa chance de inaugurar o marcador. O atacante Julio César recebeu belo cruzamento de Tulio e bateu de primeira, mas o chute saiu sem força e parou nas mãos de Felipe.

Como diz o velho ditado do futebol, quem não faz, toma. O Flamengo abriu o placar aos 37min, após passe de Ronaldinho Gaúcho na ponta para Léo Moura, que cruzou na medida para Deivid cabecear e acertar o canto esquerdo do goleiro Wilson.

continua após publicidade

No fim da primeira etapa, o Flamengo se recuou e permitiu que o Figueira jogasse no campo de ataque, mas os catarinenses não conseguiram empatar. Aos 44min, o Flamengo quase ampliou com Renato, que puxou o contra-ataque e tocou para Deivid. Frente a frente com o gol, o atacante bateu em cima de Wilson.

O Flamengo ampliou o placar logo no começo da segunda etapa com Deivid. Aos 6min, Ronaldinho Gaúcho cobrou escanteio fechado e o goleiro Wilson não interceptou a bola, que passou por toda a pequena área e encontrou novamente Deivid, que só escorou.

Na sequência, quatro minutos depois do tento flamenguista, o Figueirense diminuiu após boa troca de passes do ataque. Somália, que entrou no lugar de Fernandes, aproveitou bola dentro da área e – livre - bateu forte entre o goleiro Felipe e a trave direita para marcar.

O Flamengo passou a trocar passes para acalmar a partida, já que o Figueirense se animou com o placar de 2 a 1. Aos 21min, Ronaldinho arrancou pela esquerda e cruzou na cabeça de Thiago Neves, que arrematou por cima do gol de Wilson.

No lance seguinte, o meio-campista Maicon quase empatou para os catarinenses com chute de fora da área, mas a bola desviou na zaga. Os catarineneses perceberam o bom momento, partiram para o ataque e chegaram ao empate aos 26min com o zagueiro Édson Silva. Ele aproveitou cobrança de escanteio e falha de Felipe para anotar o tento.