Especial

Cuidados ajudam a reduzir a conta de energia

Da Redação ·
Refrigeradores devem permanecer abertos por menos tempo possível
fonte: Sérgio Rodrigo
Refrigeradores devem permanecer abertos por menos tempo possível

Não é apenas durante o horário de verão que se pode garantir uma conta de luz mais baixa. Mesmo no início outono, estação em que já se começa a escurecer mais cedo, medidas simples adotadas em várias partes de uma residência podem contribuir com o planeta e despesas menores no final do mês.

continua após publicidade


De acordo com o gerente regional da Companhia Paranaense de Energia (Copel), em Apucarana, Aparecido Tomazelli, o consumidor deve estar atento aos aparelhos que demandam um gasto maior, como o chuveiro. “O chuveiro é o grande vilão da conta de luz, por sua potência elevada. O tempo que se passa com o aparelho ligado será determinante na conta”, define.


Bem por isso, além de deixar o chuveiro no “morno”, é importante, conforme Tomazelli, reduzir o tempo de utilização do aparelho. “O ideal é que, na hora do banho, as pessoas o abram, se molhem e o desliguem. Só depois de ensaboados, é que o chuveiro deve ser ligado novamente”, recomenda.

continua após publicidade


O gerente assinala que, na cozinha, os cuidados devem ser direcionados aos refrigeradores. “A geladeira precisa ser aberta o menos possível. Quando o consumidor a abrir, já deve ter em mente o que quer, não ficar escolhendo”.


Colocar alimentos quentes no refrigerador também deve ser evitado. Já quem tem uma geladeira funcionando com a borracha de vedação da porta defeituosa deve procurar a assistência técnica. “A porta tem que ser mantida fechada. Quando é aberta muitas vezes ocorre uma perda de ar frio e o motor precisa funcionar mais, gastando mais energia”, explica Tomazelli.


Na lavanderia, a máquina de lavar roupas merece atenção especial. Segundo o gerente regional da Copel, é fundamental obedecer a capacidade especificada pelo fabricante. “Se a máquina lava 10 quilos, não há porque lavar apenas cinco. O gasto de água e energia será o mesmo”, compara.


Nos quartos e salas, ele sugere que a iluminação atenda as necessidades dos moradores. “Se o consumidor não fará leitura no local, o quarto pode receber uma luz mais fraca. Agora, se, mesmo assim, a luz permanecer ligada a noite inteira, a conta ficará alta”, pontua.