Mais lidas
Ver todos

    Especial

    Grupo Soma busca apoio para manter Abrigo do Menor

    Divulgação
    Foto por
    Escrito por Da Redação
    Publicado em Editado em
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

    Acumulando um déficit mensal de mais de R$ 20 mil, a diretoria do Grupo Soma, responsável pela manutenção do Abrigo do Menor de Apucarana, se reuniu na noite de segunda-feira (23) com o prefeito Beto Preto e alguns de seus secretários. 

    A presidente do grupo, Cristiane Reis, fez um relato da complicada situação financeira da instituição e reivindicou ajuda oficial. Ela lembrou que a atual diretoria assumiu a instituição com um quadro muito complicado e sem certidão negativa de débitos, devido ao desvio de finalidade na aplicação de recursos oriundos do Fundo da Infância e da Adolescência (FIA).

    Infelizmente, conforme lembrou a presidente do Grupo Soma, na gestão anterior não foi aceita a prestação de contas de uma verba de cerca de R$ 90 mil, recebida do Estado. “Do total recebido, já foram ressarcidos R$ 80 mil e ainda faltam R$ 21 mil”, revela a secretária de Assistência Social, Márcia Regina da Silva de Sousa.
     

    confira também



    Segundo ela, de acordo com as regras do FIA, se não houver a restituição dos recursos, com a conseqüente liberação da certidão negativa, a instituição fica sem receber uma dotação de cerca de R$ 130 mil, prevista para 2014.

    “Agora o Grupo Soma pede uma liberação extra de R$ 40 mil, como forma de equilibrar suas contas e isso será discutido e votado em reunião do Conselho Municipal de Assistência Social, prevista para o dia 7 de outubro próximo”, informou a secretária.

    Conforme esclareceu o prefeito Beto Preto, a atual gestão trabalha com um orçamento herdado e não tem meios legais de fazer repasses para a entidade. Atualmente, a Prefeitura repassa R$ 5.100,00 ao mês ao Abrigo do Menor. “Estamos trabalhando para mudar esse quadro na assistência social, que hoje tem apenas 2,45% do total do orçamento do Município. Para o próximo ano pretendemos elevar esse índice para 3,5% do orçamento e chegar até o final de 2016 com 5%”, anunciou Beto Preto.

    Ainda no encontro com diretores do Grupo Soma, que estavam acompanhados do pároco da Catedral Nossa Senhora de Lourdes, Roberto Carrara, o prefeito anunciou sua disposição de pedir apoio privado para o “Lar Sagrada Família” (Abrigo do Menor).

    Gostou desta matéria? Compartilhe!
    TNTV
    TNTV

    Designer apucaranense Uelinton Campagnola executou um trabalho recentemente para o DJ Alok

    Deixe seu comentário sobre: "Grupo Soma busca apoio para manter Abrigo do Menor"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

    Mais Notícias