Mulher finge estar grávida para embarcar com cocaína - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Especial

Mulher finge estar grávida para embarcar com cocaína

Cédito da foto - Polícia da Calômbia
Foto por
Escrito por BBC Brasil
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

Uma mulher canadense foi presa no aeroporto de Bogotá, na Colômbia, após tentar embarcar em um voo para Toronto com uma barriga de grávida falsa recheada com dois quilos de cocaína, segundo a polícia. 

A farsa foi descoberta durante uma revista. A policial que fez a revista notou que a barriga estava fria e mais dura que o normal. 

A mulher havia chegado à Colômbia no início de agosto e estava prestes a embarcar no voo quando a policial perguntou com quantos meses de gravidez ela estava.

"Ela não gostou da pergunta, o que deixou a policial com suspeitas", disse o vice-diretor do Departamento Antinarcóticos da Polícia da Colômbia, coronel Esteban Arias Melo. A mulher teria dito que estava grávida de sete meses. 

Estrangeiros presos

Segundo as autoridades colombianas, a mulher canadense será indiciada por tráfico de drogas e poderá ser condenada a uma pena de até oito anos de prisão. 

Os dois quilos de droga poderiam ser vendidos por até US$ 60 mil (cerca de R$ 137 mil), segundo a polícia. Mais de 150 pessoas já foram presas com drogas no aeroporto de Bogotá neste ano. 


Segundo o governo, 874 estrangeiros estão atualmente presos no país, em sua maioria por acusações de tráfico de drogas. 

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Deixe seu comentário sobre: "Mulher finge estar grávida para embarcar com cocaína"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Candidatos

Não encontramos candidatos com o filtro selecionado.

Mais Notícias