Especial

Caçador jura ter capturado chupa-cabra vivo

Da Redação ·
 Guaxinim acabou arrumando sarna para se coçar.
fonte: Reprodução
Guaxinim acabou arrumando sarna para se coçar.

Jeremy Scheffel, de Oklahoma, nos Estados Unidos, diz ter pegado um chupa-cabra vivo. Pelo menos é assim que o pessoal de lá tem chamado o animal - chupa-cabra de Dry Gulch, por causa da região em que ele foi encontrado.

continua após publicidade

Pelas fotos que foram publicadas, dá pra ver que o bicho até que lembra aquela descrição clássica do lendário animal. A maior parte deles, encontrados já mortos, eram apenas coiotes com sarna. Desta vez, especialistas dizem que o chupa-cabra não é um coiote e, sim, um guaxinim – que, por acaso, também tem sarna.

Scheffel não quer nem saber. Para ele, é chupa-cabra e fim de conversa.

continua após publicidade

Ele cismou com o animal depois que o viu no alpendre traseiro de sua casa. Embora nenhuma cabra tenha sido chupada na região, Scheffel imaginou que, por ser feio, só podia ser perigoso. Seus vizinhos também haviam visto a criatura e eram da mesma opinião.

Decidido a desvendar o mistério, Scheffel encheu seu quintal de armadilhas e, em questão de horas, uma delas capturou um animal feio, sem pelo nenhum em seu corpo.

O animal foi enviado para o rancho Wild Heart, o maior centro de reabilitação para animais selvagens da região, e lá bateram o martelo: é um guaxinim, tem sarna e quem diz que é chupa-cabra tem mais é que chupar prego.