Especial

Reajuste salarial concedido por Richa é destaque nacional

Da Redação ·
Governador Beto Richa (PSDB) autorizou reajuste salarial de 6,49% para 291.874 servidores ativos, inativos e pensionistas
fonte: Divulgação
Governador Beto Richa (PSDB) autorizou reajuste salarial de 6,49% para 291.874 servidores ativos, inativos e pensionistas

Começou a tramitar nesta terça-feira (14) na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) a mensagem do governador Beto Richa (PSDB) que autoriza reajuste salarial de 6,49% para 291.874 servidores ativos, inativos e pensionistas. O aumento vai representar um impacto mensal de R$ 68.707.887 na folha de pagamento. O projeto foi lido no plenário e será votado na próxima semana pelos deputados estaduais.

“É um reajuste maior do que o aplicado em outros estados, como Alagoas (5,83%), Bahia (5,84%) e Mato Grosso (6,17%). Isso só reforça a preocupação do governador em valorizar os servidores, mesmo com as perdas tributárias de R$ 1 bilhão em repasses do Governo Federal nos últimos 12 meses”, afirmou o líder do governo na Assembleia Legislativa, Ademar Traiano (PSDB).

O índice deste ano também é maior do que o repassado em 2012, que foi de 5,1%. O reajuste será aplicado sobre a remuneração total, englobando todas as gratificações, e não apenas sobre o vencimento básico do funcionalismo. Os funcionários com contrato de regime especial (PSS) são abrangidos pelo reajuste, mas os cargos em comissão não terão qualquer reposição.

O reajuste de 6,49% será repassado em maio e julho. “O pagamento será feito em duas parcelas para não comprometer as finanças do estado e por limitações da legislação. O governo está fazendo todo o esforço possível para pagar esse reajuste com os pés no chão, sem comprometer o orçamento”, explicou Traiano.

O governador Beto Richa também está enviando outro projeto de lei à Assembleia Legislativa, transformando o vale-transporte em auxílio-transporte. O valor passará a ser creditado mensalmente em folha de pagamento para os servidores que recebem até R$ 2.034,00. O valor de R$ 124,00 terá reajuste anual.

Atualmente o vale-transporte é concedido ao servidor em forma de tíquete ou cartão. Agora será pago em dinheiro reforçando o salário do servidor.

continua após publicidade