Entretenimento

William e Kate se despedem do Canadá após 7 dias e prometem voltar

Da Redação ·
Com o primeiro-ministro do Canadá e a esposa, Kate e William assistem a um jovem cowboy montar uma ovelha
fonte: Todd Korol/Reuters
Com o primeiro-ministro do Canadá e a esposa, Kate e William assistem a um jovem cowboy montar uma ovelha

O duque e a duquesa de Cambridge se despediram do Canadá nesta quinta-feira (7), após sete dias de visita, mas prometeram voltar ao país no futuro.

continua após publicidade

Na última noite de sua viagem oficial, William e Kate participaram, na cidade de Calgary, da tradicional festa de Stampede, um clássico rodeio do oeste americano. Usando um chapéu branco de cowboy, o príncipe William manifestou durante seu terceiro e último discurso no Canadá que "só posso dizer que a experiência dos últimos sete dias superou todas as nossas expectativas. Nossa promessa ao Canadá é que voltaremos".

O príncipe e sua esposa, Kate Middleton, chegaram ao aeroporto internacional de Calgary às 17h30 desta quinta-feira (horário de Brasília), onde logo que desceram do avião receberam os chapéus brancos de vaqueiro, símbolo da hospitalidade de Calgary.

continua após publicidade

Antes de iniciar o programa oficial, porém, o casal real teve tempo para conversar com Diamond Marshall, uma menina de seis anos que está no estágio terminal de um câncer. A menina enviara uma carta na qual pedia um encontro com uma princesa, e seu desejo foi concedido pelo duque e a duquesa de Cambridge.
O casal real britânico, que em 30 de junho começou no Canadá sua primeira visita oficial ao estrangeiro após seu casamento, chegou a Calgary após passar quase 24 horas em uma "retirada privada" no lago Louise, nas Montanhas Rochosas canadenses.

Rodeio polêmico

Depois de conhecer as montanhas e a natureza do Canadá, William e Kate mergulharam na cultura do oeste americano, com seus rodeios e cowboys. Vestidos com calças e camisas de vaqueiro e chapéus brancos, o casal real presenciou um espetáculo de montaria ao lado do primeiro-ministro canadense, Stephen Harper, e de sua esposa, Laureiem.

continua após publicidade

A presença de William e Kate, no entanto, não agradou a todos. O grupo de defesa dos direitos dos animais PETA solicitara ao casal real que boicotasse o evento por considerar que animais são torturados durante o festival.

Nesta sexta-feira (8), antes de deixar o Canadá com destino à Califórnia (EUA), a última etapa de sua viagem oficial, o duque e a duquesa de Cambridge devem acender fogos de artifício para dar início ao desfile de Stampede.