Entretenimento

Cantor de "Minha Mulher Não Deixa Não" vira ídolo em três meses

Da Redação ·
O cantor Reginho, autor do sucesso "Minha Mulher Não Deixa Não", no escritório de sua produtora, em São Paulo
fonte: Letícia Moreira/Folhapress
O cantor Reginho, autor do sucesso "Minha Mulher Não Deixa Não", no escritório de sua produtora, em São Paulo

Reginaldo Alves da Silva, 39, está batendo recordes de popularidade. Fenômenos surgidos no YouTube são muitos, mas a velocidade com a qual esse pernambucano ficou famoso no Brasil não tem antecedentes.
 

continua após publicidade

Em três meses, ele saiu do anonimato dos bares de Paulista, na Grande Recife, para estrelar a partir do próximo dia 25 a nova campanha do Ministério da Saúde para incentivar o uso de camisinhas no Carnaval.
 

"Ainda estou totalmente estarrecido", disse à Folha Reginho, como é conhecido o autor de "Minha Mulher Não Deixa Não". É o hit do verão 2011, mesmo que rádio e TV tenham demorado a detectar o furacão que a música provocava no mundo digital.
 

continua após publicidade

Cantor da noite há 26 anos, Reginho gravava CDs caseiros para vender nos bares em que cantava. Um deles, com o futuro sucesso, foi incluído em outro CD, de seu amigo DJ Sandro. Foi esta versão que caiu na rede.
 

O clipe "oficial" da canção foi gravado por amigos de Reginho, na praia de Maria Farinha (PE). Quatro rapazes, Anjo, Gal, Ponga e Mimoso, improvisaram uma coreografia para a música, passos toscos dançados na areia.
 

Hoje, fazem parte do grupo que acompanha Reginho, a Banda Surpresa.