Entretenimento

Apresentadora tinha dúvidas sobre como chamar pênis na TV

Da Redação ·
Fernanda Lima no lançamento da segunda temporada de Amor e Sexo
fonte: Divulgação
Fernanda Lima no lançamento da segunda temporada de Amor e Sexo

A apresentadora Fernanda Lima, 33, ainda não se considera "expert" em sexualidade, mas diz que tem aprendido bastante com o programa "Amor e Sexo", cuja segunda temporada ela comanda a partir desta terça-feira (1º) na Globo.  

continua após publicidade

"Eu tenho muito o que aprender ainda, mas estou em um bom caminho. Acho que estou bem avançada", brinca.  

"Às vezes a gente quer falar [sobre sexo] e não sabe como. Com o programa, a gente vai aprendendo formas de se falar, vocabulário..."  

continua após publicidade

Como abordar de certos assuntos, aliás, foi uma das principais preocupações no começo da atração.  

"No início do programa tinha aquela questão de como íamos chamar: pau, pênis, vagina? Havia coisas que pareciam impossíveis de colocar no ar em uma televisão aberta", conta.  

"Decidimos que seria da maneira que saísse, de uma forma que ficasse natural, espontânea, e que não chocasse as pessoas."  

continua após publicidade

Fernanda admite que o programa exige muita exposição dos participantes. Ela própria afirma acabar sempre falando um pouco da vida pessoal durante a atração.  

"Eu não me arrependo de nada que tenha dito no programa. Talvez fora do programa, em entrevistas. Como quando eu falei que já tinha fingido orgasmo e foi parar em todos os sites. Fiquei morrendo de vergonha, porque ninguém tem nada a ver com isso. Quem está vendo o programa, dentro do contexto, tudo bem, vai ouvir, achar engraçado ou não. Mas entrar na internet e ver isso é meio fora de contexto", avalia.  

"Mas também eu sou desbocada... Quem mandou falar?"  

continua após publicidade

RENOVAÇÃO  

A apresentadora diz que ainda não sabe se haverá uma terceira temporada do programa, mas torce por isso.  

continua após publicidade

Segundo ela, o contrato com a Globo termina em abril. Em breve, ela deve se reunir com representantes da emissora para discutir sua permanência.  

"Eu estou a fim de ficar, mas vai depender de o que eles querem de mim", diz. "Minha vontade é ter um programa semanal em um belo horário, mas depende do desejo da emissora. Eu ainda não sei o que eles querem."  

Sobre a possibilidade de voltar a atuar em novelas, ela diz que, em princípio, seu plano é continuar apresentando.  

"Isso depende muito dos convites e de como eu vou estar com as crianças [Fernanda tem gêmeos, um de 2 anos e outro de 9 meses]... Agora as coisas estão ficando mais fáceis para o meu lado. Eu já posso encarar novos desafios", afirma. "Mas ainda não tem nada certo."