Entretenimento

Segredo é falar a língua do povo, diz blogueiro do Alemão

Da Redação ·
 Rene é morador do Complexo do Alemão e ficou famoso ao informar a população sobre a ocupação policial na favela
fonte: Fernando Borges/Terra
Rene é morador do Complexo do Alemão e ficou famoso ao informar a população sobre a ocupação policial na favela

Ter um perfil no Twitter, hoje, é algo banal, como já aconteceu com o Orkut e o Facebook. A diferença acontece quando se cria uma conta com um propósito muito bem definido de ajudar as pessoas, como fez o estudante de 17 anos Rene Silva, morador do Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro. A história do adolescente, que faz parte do time de debatedores da Campus Party 2011, impressiona pela improbabilidade. Da sua casa na favela, ele conseguiu que sua voz chegasse a todo planeta. Para ele, o segredo foi saber falar a língua do povo.

continua após publicidade

Rene foi um dos 10 milhões de brasileiros que criaram uma conta no Twitter em 2010. Mas a intenção dele era rara. Ele criou o perfil do jornal A Voz da Comunidade, impresso que comanda desde os 11 anos na comunidade Morro do Adeus, dentro da favela do Alemão. A repercussão aconteceu e o mundo, sem exageros, voltou os olhos para o menino quando, em plena invasão da polícia no conjunto de favelas em dezembro de 2010, ele e mais três amigos recorreram ao Twitter para informar a população do que estava acontecendo e ser um canal de ajuda e conexão do povo da favela com o resto do planeta. Ele se transformou em uma espécie de "correspondente de guerra" da noite para o dia.

continua após publicidade

O Voz da Comunidade nasceu há cinco anos pela vontade de criar uma ferramenta para a população da comunidade. "Quando o Voz da Comunidade nasceu, todo o Alemão não tinha nenhum outro jornal", disse. Ele é feito pelos amigos inseparáveis Gabriela Santos e Jackson Alves, 13 anos, Igor Santos, 14, e Débora Mendes, 11. "Na época, dei meu celular para a Débora publicar o que ela via nas ruas do Alemão direto para o Twitter", conta.

continua após publicidade

O perfil no Twitter, criado há dois meses, possui atualmente mais de 40 mil seguidores. Famosos, como atores, autores de novela, como Gloria Perez, e jornalistas, como Jorge Pontual, estão entre as estrelas que leem o trabalho do garoto. "Hoje tem gente do mundo todo. Quando eu falo 'bom dia', aparecem vários tweets de 'boa tarde' e 'boa noite'. Tem gente até do Japão."

Para ele, o maior problema é que as pessoas do Alemão não se identificam com os meios de comunicação tradicionais. "Os jornais com sites mais acessados do País e as versões impressas são feitas para executivos, gente que tem dinheiro", afirmou, lembrando que ainda não está acostumado com a importância que ganhou desde que a fama chegou. "Não me sinto pressionado, faço o que gosto do jeito que eu acho certo, mas tenho que ter mais cuidado com o que digo em público hoje do que antes", afirmou.

continua após publicidade

O menino simples não impressiona somente pela inteligência com que fala e pela clareza de suas ideias, mas também pela postura humana que mantém na internet. Na terça-feira, dia de eliminação do Big Brother Brasil, o @vozdacomunidade tuitou contra o preconceito sofrido pela participante assumida transexual no programa.

Rene já colhe os frutos do seu trabalho. Uma gráfica se ofereceu para elevar de 1 mil para 5 mil o número de cópias distribuídas do jornal, além de passar a impressão de preto e branco para colorido, a partir de fevereiro de 2011. Entendedor do poder das ferramentas da internet, Rene coloca no espaço "web", do Twitter, o endereço do Google em vez do seu próprio blog, renesilvasantos.blogspot.com. Talvez seja uma brincadeira, talvez seja uma mensagem sutil de dizer que é ali, onde todos procuram ajuda e informação, a sua casa. E tudo isso num pacote magrinho de 17 anos.