Facebook Img Logo
Mais lidas
Entretenimento

Com nove indicações, Brasil não vence em nenhuma categoria do Emmy Internacional

.

Emmy Internacional 2017 - Divulgação/International Emmy Awards
Emmy Internacional 2017 - Divulgação/International Emmy Awards

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Brasil não venceu em nenhuma das oito categorias que disputava no Emmy Internacional, considerado o Oscar da televisão mundial. A cerimônia com o anúncio dos vencedores aconteceu na noite desta segunda (20), em Nova York.

A premiação contou com a participação de 44 indicados de 18 países entre as 11 categorias.

A Globo, única televisão brasileira a receber a premiação nas edições anteriores, teve seis indicações. “Velho Chico” e “Totalmente Demais” competiam na categoria de melhor telenovela, mas foram vencidas pela trama turca “Kara Sevda”. A atriz Adriana Esteves, que competia como melhor atriz pela série “Justiça”, perdeu para a britânica Anna Friel em “Marcella”, da Netflix.

A produção “Justiça” (Globo, 2016), cujos episódios focavam em crimes, julgamentos e prisões, também competia como melhor série dramática, mas perdeu para “Mammon II”, da Noruega.

A produção canadense “Hip-Hop Evolution - The Foundation” levou a estatueta de melhor programa artístico, categoria em que o grupo de humor brasileiro Porta dos Fundos concorria.

O ator Júlio Andrade concorreu ao prêmio de melhor ator por sua atuação em “Um Contra Todos”, série de oito episódios produzida pela Fox, que tem como protagonista um homem condenado por tráfico. Mas o prêmio foi levado pelo britânico Kenneth Branagh pela atuação em “Wallander”.

Veja a lista dos vencedores do Emmy Internacional nas categorias com produtos brasileiros:

MELHOR ATOR

Julio Andrade em ‘Um Contra Todos‘ - Brasil

Kenneth Branagh em ‘Wallander‘ - Reino Unido**

Zanjoe Marudo em ‘Maalaala Mo Kaya‘ - Filipinas

Kad Merad em ‘Baron Noir‘ - França

MELHOR ATRIZ

Adriana Esteves em ‘Justiça‘ - Brasil

Anna Friel em ‘Marcella‘ - Reino Unido**

Sonja Gerhardt em ‘Ku’damm 56‘ - Alemanha

Thuso Mbedu em ‘Is’thunzi‘ - África do Sul

MELHOR COMÉDIA ‘Alan Partridge’s Scissored Isle‘ - Reino Unido**

Anna Friel em ‘Marcella‘ - Reino Unido

Sonja Gerhardt em ‘Ku’damm 56‘ - Alemanha

Thuso Mbedu em ‘Is’thunzi‘ - África do Sul

MELHOR SÉRIE DRAMÁTICA ‘Justiça‘ - Brasil ‘Mammon II‘ - Noruega** ‘Moribito: Guardian of the Spirit‘ - Japão ‘Wanted‘ - Austrália

MELHOR TELENOVELA ‘30 Vies - Isabelle Cousineau‘ - Canadá ‘Kara Sevda‘ - Turquia* ‘Totalmente Demais‘ - Brasil ‘Velho Chico‘ - Brasil

MELHOR FILME/MINISSÉRIE PARA TV ‘Alemão‘ - Brasil ‘Ne M’abandonne Pas‘ - França** ‘Reg‘ - Reino Unido ‘Tokyo Trial‘ - Japão

SÉRIE DE CURTA DURAÇÃO ‘Ahi Afuera‘ - Argentina ‘The Amazing Gayl Pile‘ - Canadá ‘Crime Time‘ - Brasil ‘Familie Braun‘ - Alemanha**

MELHOR PROGRAMA ARTÍSTICO ‘Hip-Hop Evolution - The Foundation‘ - Canadá** ‘Never-Ending Man: Hayao Miyazaki‘ - Japão ‘Portátil (Porta dos Fundos)‘ - Brasil ‘Robin de Puy - Ik ben het allemaal zelf‘ - Holanda

**Vencedores de cada categoria

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Entretenimento

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber