Entretenimento

Falta de pagamento a Mariah Carey gera controvérsia entre empresas

Da Redação ·
Mariah Carey em show no Billboard Music Awards 2015 - Foto: Chris Pizzello/Invision/AP
Mariah Carey em show no Billboard Music Awards 2015 - Foto: Chris Pizzello/Invision/AP

Duas produtoras brasileiras envolvidas nos shows brasileiros da turnê de Mariah Carey, cancelados nesta quarta-feira (26), trocam acusações sobre a responsabilidade pela quebra do contrato. Os shows aconteceriam em novembro, em São Paulo (1º), Curitiba (4) e Porto Alegre (5). A Lens Events diz ser a detentora de direitos da turnê no País, enquanto, por acordo, a Stage Entertainment seria responsável por produzir os shows e vender ingressos. 

continua após publicidade

A Lens diz que a Stage "não cumpriu com os pagamentos acordados". A Stage nega e diz que "cumpriu com todas as obrigações contratadas". Segundo a Lens Events, "a Stage Entertainment quebrou o contrato com a artista ao não cumprir com os pagamentos previamente acordados, ocasionando dessa forma a cessão do contrato e por consequência a não realização dos shows". 

Já a Stage Entertainmentdiz argumenta que a artista foi contratada através da Lens Events, representante legal da turnê da cantora no Brasil. Nota divulgada pela produtora assegura que a Stage cumpriu com todas as obrigações contratadas. A empresa acrescenta que está tomando as medidas para preservar seus direitos, bem como os direitos de todos os clientes, parceiros, patrocinadores e consumidores". 

continua após publicidade

Promotores descobriram pelo Twitter
No comunicado, a Stage Entertainment diz que "tomou conhecimento do fato [cancelamento] pelo Twitter da cantora". A empresa se compromete a ressarcir todos os fãs que haviam comprado os ingressos. Os detalhes sobre a devolução ainda serão divulgados.

Com informações do G1-PR