Entretenimento

Fabricante diz que Google comprou helicóptero-robô

Da Redação ·
 Robô que poderá ser usado para melhorar imagens do Google Earth poderá render discussões em torno de invasão de privacidade
fonte: Reprodução
Robô que poderá ser usado para melhorar imagens do Google Earth poderá render discussões em torno de invasão de privacidade

Um fabricante alemão de drones (mini helicóptero-robô sem piloto, operado por controle remoto) diz que o Google está experimentando um de seus modelos, um quadricóptero (helicóptero com quatro rotores) de segurança movido à bateria, que já foi usado pela polícia do Reino Unido, e até acabou no tribunal.

continua após publicidade

Segundo a Microdrones GmbH, ainda não é possível dizer para que a companhia de internet pretende usar o helicóptero-robô, mas tudo indica que poderá ter problemas com os defensores da privacidade, revelou o site Popsci nesta terça-feira (10).

continua após publicidade

O drone da GmbH consegue voar por mais de uma hora, fotografando grandes porções de território e é capaz de pairar no ar, fornecendo segurança em uma área pelo mesmo tempo.

continua após publicidade

Especialistas dizem que, se for verdade, o interesse do Google seria pela capacidade do drone em ajudar a complementar as imagens do serviço Google Earth, que atualmente usa imagens aéreas e de satélite, para revestir o Google Maps com imagens reais da Terra.

O problema é que o Google está pisando em ovos na Europa, por causa dos dados de Wi-Fi coletados pelos carros do Street View. O serviço de fotos de ruas do Google já foi acusado de invasão de privacidade por tirar fotos de pessoas sem sua autorização.



No Reino Unido, já existem leis que regulamentam os drones de vigilância. Nos Estado Unidos, também já se estuda integrar os helicópteros-robôs comerciais às rotas de voo.