Entretenimento

Drama humanitário de Sean Penn é recebido com vaias em Cannes

Da Redação ·

GUILHERME GENESTRETI, ENVIADO ESPECIAL*
CANNES, FRANÇA (FOLHAPRESS) - Novo filme de Sean Penn, "The Last Face" traz Javier Bardem e Charlize Theron como dois agentes de ajuda humanitária em países da África subsaariana. É também um melodrama sobre o envolvimento dos dois em meio aos horrores no continente.
Penn, duas vezes vencedor do Oscar de melhor ator ("Sobre Meninos e Lobo" e "Milk"), vem a Cannes pela segunda vez como diretor. Em 2001, competiu pela Palma de Ouro com "A Promessa", protagonizado por Jack Nicholson.
"The Last Face" terminou sob vaias na sua sessão da imprensa na manhã desta sexta (20). O filme foi bombardeado pelo seu tom de dramalhão hollywoodiano. Também sobraram críticas para o que viram como um tom preconceituoso em seu retrato dos africanos.
As primeiras reações começaram a aparecer no Twitter, com postagens que o chamavam de "pior filme do festival" e "desastre risível".
"Sean Penn fez a sua versão de um filme de Angelina Jolie", zombou crítica da revista "Variety", comparando "The Last Face" aos dramas melosos da atriz/diretora. "É um conto de uma África dilacerada que na verdade retrata duas lindas estrelas do cinema tentando salvar o mundo."

continua após publicidade

( * ) O jornalista GUILHERME GENESTRETI se hospeda a convite do Festival de Cannes