Entretenimento

'Os Simpsons' terá episódio histórico com primeira transmissão ao vivo

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Durante seus 27 anos no papel do patriarca atrapalhado da série de animação "Os Simpsons" (Fox), Homer Simpson conseguiu muitos feitos inimagináveis, como viajar ao espaço, se tornar um super-herói, destruir a cidade fictícia de Springfield e ganhar um prêmio Pulitzer.
Mas uma coisa ele nunca ousou fazer: aparecer ao vivo -ao menos até agora.
No final do 595° episódio do seriado, "Simprovised", que será exibido neste domingo (15), Homer irá atender ligações de fãs nos horários de transmissão das costas leste e oeste dos Estados Unidos. Será a primeira vez em que um desenho animado irá tentar a façanha.
Espectadores de outros países, incluindo o Brasil, também puderam enviar perguntas ao personagem até o último dia 5, por meio das redes sociais da atração e da Fox.
"Ele irá responder perguntas durante 3 minutos, falar sobre acontecimentos do dia -tenho certeza de que Donald Trump irá dizer algo idiota, então o material já vai estar pronto", disse Al Jean, produtor-executivo da animação.
A mágica irá acontecer graças à tecnologia de captura de movimentos, que irá acompanhar os gestos da cabeça e dos braços do ator Dan Castellaneta, que dá voz a Homer, e animá-los imediatamente para transmissão nos EUA e nos demais países.
No Brasil, será exibida a partir das 22h a mesma versão do episódio histórico transmitida na costa leste dos EUA, no qual Homer atenderá ligações de americanos e também poderá responder perguntas feitas pela internet.
Um intervalo de 7 segundos irá impedir que qualquer brincalhão faça perguntas impróprias ao vivo, contou Jean.
A série, que estreou em 1989, se tornou o humorístico mais longevo da história da TV norte-americana.

continua após publicidade