Entretenimento

Protagonista da 1ª fase de 'Velho Chico' diz que virou galã 'sem querer'

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Protagonista da primeira fase de "Velho Chico" (Globo) no papel de Santo (Domingos Montagner), Renato Góes não aceita, mas também não nega, o rótulo de galã.
"Em nenhum momento foi pensando em dar um tom de galã ou sexy ao personagem", explicou o ator. "Se o Santo, além de tudo que eu criei, ganhou esse caminho, acho maravilhoso", gabou-se, em entrevista à "Cosmopolitan" deste mês.
Apesar do sucesso com as telespectadoras, Renato se diz um "romântico à moda antiga". "Comigo não tem esse negócio de relacionamento moderno", declara o jovem de 29 anos.
"Cada um tem que ter a sua liberdade, seus amigos, mas é preciso viver o romance com a pessoa que a gente acha que é ideal e que vai ser feliz para sempre", explica o ator, que está solteiro desde que terminou seu relacionamento com Tatá Werneck.
Renato, porém, deixou a vida amorosa em segundo plano para se dedicar à carreira. "Estou trabalhando muito, mal saio para a badalação", desabafou.
Depois de estrelar a atual novela das 21h, ele já está escalado para "Sagrada Família", de Maria Adelaide Amaral. Além disso, o ator ficará careca para viver o rapper Marcelo D2 no cinema.

continua após publicidade