Entretenimento

Alexandre Nero viverá maestro João Carlos Martins nos cinemas

Da Redação ·

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Começam neste sábado (30), em São Paulo, as filmagens de "João", cinebiografia inspirada na vida do maestro João Carlos Martins, pianista paulistano levado a abandonar a carreira de pianista por problemas de saúde nas mãos. O músico será vivido por Alexandre Nero (na maturidade) e por Rodrigo Pandolfo (na juventude).
Para Nero, "João é um brasileiro que todo mundo precisa conhecer", disse ele na coletiva de imprensa feita na manhã de quinta (28), na capital paulista, para anunciar o começo das filmagens. A direção é de Mauro Lima ("Tim Maia", "Meu Nome Não é Johnny") e a produção é da L.C. Barreto, que já tocou projetos como "Dona Flor e Seus Dois Maridos" (1976) e "Flores Raras" (2013).
Nero e Martins só conheceram pessoalmente há poucas semanas, conforme mostrou a coluna Mônica Bergamo. Antes, só haviam se falado por telefone, até que o maestro foi assistir a uma apresentação teatro do ator, que tem treinado inglês e piano para viver o pianista.
O filme perpassará diversos momentos da vida de João Carlos Martins, tido como um dos maiores conhecedores da obra de Bach no Brasil: sua relação com as mulheres, os concertos internacionais e sua luta contra a doença neurológica que impede a coordenação de sua mão.
Completam o elenco Alinne Moraes, Caco Ciocler e Fernanda Nobre. O filme, orçado em R$ 9 milhões, deve estrear no primeiro semestre de 2017.

continua após publicidade