Entretenimento

Amamentação: Bündchen acha que deveria ser lei

Da Redação ·
 Gisele em ensaio com tom militar
fonte: Divulgação
Gisele em ensaio com tom militar

Gisele Bündchen é uma mulher engajada em causas sociais, principalmente em assuntos voltados ao meio ambiente. Entretanto, parece que a maternidade alertou a modelo sobre outros assuntos também importantes.
 

continua após publicidade

A brasileira, que é capa e recheio da revista britânica Harper’s Bazaar, contou para a publicação a importância de amamentar crianças recém-nascidas até os seis meses de idade. Imprescindível ao crescimento dos herdeiros, a übermodel acha que o hábito deveria até ser obrigatório por lei:
 

- Algumas pessoas acham que não devem amamentar, e eu penso: Você irá dar comidas químicas para seu filho quando ele é tão pequeno? Eu acho que deveria existir uma lei mundial, na minha opinião, para que as mães amamentassem seus filhos por seis meses.
 

continua após publicidade

De acordo com o tabloide britânico The Sun, a bela ainda destacou como a meditação foi importante na hora de dar à luz seu primeiro filho, Benjamim, fruto do relacionamento com o jogador de futebol americano Tom Brady:
 

- [A meditação] Me preparou mentalmente e fisicamente. Se chama parto, e não férias, por um motivo, e sempre soube disso. Você quer passar pela experiência psicológica mais intensa da sua vida despreparada? Isso não faz sentido para mim. Quando chegou a hora, pensei: Ok, vamos ao trabalho. Eu não esperava que ninguém fosse tirar o bebê de mim.