Entretenimento

Após 5 indicações, Leonardo DiCaprio vence o Oscar de melhor ator

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após ser indicado cinco vezes, e o ator Leonardo DiCaprio finalmente levou o seu primeiro Oscar como melhor ator -e deve agora ser poupado dos "memes" que zombam de sua fama de azarão no prêmio mais importante do cinema.
A premiação ocorreu na noite deste domingo (28), em Los Angeles.
DiCaprio levou a estatueta por sua performance em "O Regresso", dirigido pelo mexicano Alejandro González Iñárritu. No filme, ele interpreta o explorador americano Hugh Glass, que no século 19 foi deixado para morrer por seus companheiros e teve de lutar para sobreviver.
Em seu discurso, defendeu a preservação ambiental e a luta contra mudanças climáticas. Também agradeceu Tom Hardy, seu companheiro de cena e indicado ao prêmio de ator coadjuvante. Também homenageou o diretor do longa, Alejandro G. Iñárritu.
Leo declarou diversas vezes que foi o papel mais difícil de sua vida: carregou um figurino pesado, enfrentou o risco de hipotermia, comeu fígado cru, teve de suportar horas diárias na mesa de maquiagem e, principalmente, teve de atuar sem diálogos, já que o personagem passa a maior parte do tempo sozinho.
O tipo de papel, que exige transformações ou sacrifícios físicos do ator, costuma ser recompensado com uma estatueta: Eddie Redmayne, Charlize Theron, Matthew McConaughey e Jared Leto foram alguns dos agraciados.
Favorito em sua categoria, DiCaprio concorreu com Matt Damon ("Perdido em Marte"), Bryan Cranston ("Trumbo"), Michael Fassbender ("Steve Jobs") e Eddie Redmayne ("A Garota Dinamarquesa").