Entretenimento

Scarlett Johansson faz leitura sexy da Bíblia em disco de comediante

Da Redação ·
Scarlett Johansson faz leitura sexy da Bíblia em disco de comediante - Foto: Arquivo
fonte: Divulgação
Scarlett Johansson faz leitura sexy da Bíblia em disco de comediante - Foto: Arquivo

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Uma das vozes mais emblemáticas de Hollywood, a de Scarlett Johansson, conduz uma leitura sexy do Antigo Testamento no trecho mais comentado do novo disco de Mike O'Brien, comediante do programa Saturday Night Live.

"Quando você sair para a guerra contra os teus inimigos e o Senhor teu Deus entregá-los em suas mãos, prenda-os. Se você perceber que o prisioneiro é uma mulher bonita e atraente, pode tomá-la como esposa", diz a atriz em uma das passagens, com tom sensual.

O álbum será lançado nesta sexta (30), mas duas faixas, entre elas "Sexy Bible", da qual Scarlett participa, já foram liberadas na internet.

À revista "Rolling Stone", O'Brien disse que a ideia é satirizar passagens consideradas misóginas do "Deuteronômio", quinto livro da Bíblia.

"O Antigo Testamento está repleto de coisas bonitas, mas também algumas regras e discursos específicos, aleatórios", avaliou. "O 'Deuteronômio' deveria se chamar "Leis que Nunca se Aplicarão a 99% da Civilização'."

Com sua voz sedutora, Scarlett foi uma das protagonistas de "Ela" (2013), vencedor do Oscar de melhor roteiro original, sem aparecer ao menos uma vez no filme. Ela deu personalidade a Samantha, sistema operacional que ganha o coração de Theodore (Joaquin Phoenix).

Ela também volta e meia se arrisca na carreira musical: já lançou dois álbuns próprios, "Anywhere I Lay My Head" e "Break Up", fez shows com a banda escocesa The Jesus and Mary Chain (de "Just Like Honey", trilha de "Encontro e Desencontros", estrelado pela atriz) e, neste ano, formou a The Singles, banda feminina com Este Haim, do grupo Haim.

Além da atriz, outros convidados participam de faixas do disco de O'Brien, entre eles a atriz Cecily Strong e os comediantes John Mulaney e Seth Meyers.

continua após publicidade