Entretenimento

​Marcelo Falcão, do Rappa, fala sobre processo de paternidade: Oportunistas

Da Redação ·
— Aparecer 17 anos depois querendo me difamar, só tenho uma coisa pra dizer: Oportunistas. O que me guarda é lei de Deus e o que para ser, eu sou honra - Foto: Divulgação
— Aparecer 17 anos depois querendo me difamar, só tenho uma coisa pra dizer: Oportunistas. O que me guarda é lei de Deus e o que para ser, eu sou honra - Foto: Divulgação

Marcelo Falcão, líder do grupo O Rappa, usou o Twitter para se defender em relação ao processo de investigação de paternidade movido pela comerciante Thiene Silveira.

continua após publicidade

Ela afirma que o músico é o pai de sua filha de 16 anos. Thiene pede que Falcão não só reconheça a paternidade, como também pague a pensão alimentícia a que a menina teria direito.

— Recado pra quem insiste em me querer mal! “Nunca fugi dos meus compromissos com a Justiça”. O que Deus e a Justiça falar, está falado.

continua após publicidade

O músico seguiu seu desabafo dizendo que o interesse de Thiene é denegrir sua imagem.

— Aparecer 17 anos depois querendo me difamar, só tenho uma coisa pra dizer: Oportunistas. O que me guarda é lei de Deus e o que para ser, eu sou honra. Obrigado cada respeito e carinho por mim e pela minha família e espero mais uma vez que se cumpra a Lei, pois sempre honrei meu nome e o que falo.