Facebook Img Logo
Mais lidas
Entretenimento

'Ficaria feliz em interpretar um homem', diz Salma Hayek em Cannes

.

RODRIGO SALEM, ENVIADO ESPECIAL
CANNES, FRANÇA (FOLHAPRESS) - Na fantasia gótica "Il Racconto dei Racconti" ("O Conto dos Contos"), do diretor italiano Matteo Garrone ("Gomorrah"), a atriz mexicana Salma Hayek, 48, faz uma rainha obcecada em ter um filho -ao ponto de exigir o coração de uma fera do mar para o marido como ingrediente de um feitiço procriador.
Na primeira entrevista para a imprensa mundial após a exibição do filme em Cannes como parte da competição oficial, Salma roubou a cena comentando sobre o tom feminista do longa.
"Procuro sempre entender minhas personagens para deixá-las mais compreensíveis para o público. E o conflito neste filme é familiar para muitas mulheres, essa obsessão por filhos. Seja ela mexicana, libanesa ou italiana", disse a atriz, que nasceu no México, morou parte da vida em Los Angeles, passou três anos na França e hoje vive em Londres.
"Quando ganho um papel me preocupo em representar apenas a mulher descrita naquele roteiro", ressaltou ela, casada com o bilionário François-Henri Pinault, com quem tem uma filha, Valentina, 8.
"Tenho orgulho de minhas raízes e elas me fizeram quem eu sou, mas, no meu íntimo, sou um ser humano, com amor pelos lugares que me abrigaram. Estou grata por morar onde moro e experimentar outras culturas e representar tantas mulheres diferentes. Mas ficaria feliz em interpretar um homem também."




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Entretenimento

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber