Entretenimento

Uso de Internet pelo celular não cresce no país

Da Redação ·
 Como o valor cobrado pelos serviços pré-pagos é mais caro que o pós, torna-se praticamente impossível a classe C acessar a internet pelo telefone
fonte: Getty Images
Como o valor cobrado pelos serviços pré-pagos é mais caro que o pós, torna-se praticamente impossível a classe C acessar a internet pelo telefone

Pesquisa divulgada nesta terça-feira (6) mostra que o acesso à internet pelo celular está estagnado no país. Entre os usuários de telefonia móvel, apenas 6% usaram o aparelho em 2009 para navegar, índice igual ao registrado em 2008 e apenas um ponto percentual maior do que o verificado nos três anos anteriores.

continua após publicidade

Os números atuais fazem parte da 5ª Pesquisa Sobre Uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação no Brasil (TIC Domicílios 2009), divulgada pelo Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br).

continua após publicidade

A revelação é que o potencial de crescimento desse tipo de serviço até existe, mas está limitado à classe A, que reúne as pessoas com maior renda mensal. Nesse grupo, o uso da web pelo celular cresceu de 14% para 23% entre 2008 e 2009 sobre o total de donos de celulares.

continua após publicidade

No entanto, na classe B os 10% registrados em 2008 se mantiveram no ano passado. Já na classe C, aconteceu uma redução no acesso, de 6% para 4% no mesmo período. Na classe D esse tipo de serviço é inexistente, de acordo com a pesquisa.

Segundo a conclusão do estudo, essa estagnação está ligada a estabilidade da proporção de celulares pré-pagos em relação aos pós-pagos. Assim como em 2008, em 2009 os pré-pagos continuavam a ser 90% dos planos contratados, contra 10% do pós-pago.

continua após publicidade

Como o valor cobrado pelos serviços pré-pagos é proporcionalmente mais caro que o pós, torna-se praticamente impossível a classe C – a que mais usa pré-pagos – acessar a internet pelo telefone.