Mais lidas
Entretenimento

Críticos escolhem livro de Junot Díaz o melhor até o momento no século 21

.

SÃO PAULO, SP - Um grupo de críticos americanos escolheu o livro "A Fantástica Vida Breve de Oscar Wao", de Junot Díaz, o melhor romance publicado até o momento neste início de século 21.
Os críticos, de veículos como o "New York Times", "Time Magazine", "Newsday", "Kirkus Review" e "Booklist", foram questionados pela seção de cultura do site internacional BBC, citando no total 156 romances.
O primeiro romance do escritor dominicano radicado nos Estados Unidos, que aborda a vida de um gordo nerd americano de origem dominicana --obra que rendeu a Díaz um prêmio Pulitzer--, ficou no topo da lista da maior parte dos críticos, segundo a BBC.
Um dos especialistas, Gregg Barrios, comparou o livro a "O Complexo de Portnoy", de Philip Roth, e à série "Coelho", de John Updike, ambas as obras expoentes do século 20.
O livro foi definido por Barrios um "hábil mash-up da história dominicana, quadrinhos, ficção científica e realismo mágico com notas de pé de página", enquanto o crítico Rigoberto Gonzalez disse que o romance de estreia "re-energizou essas perguntas: quem é americano? Qual a experiência americana?"
Publicado em 2007 nos EUA, o livro foi editado no Brasil pela Record, que programa edição com nova capa para este ano.
Em segundo lugar, na avaliação dos críticos, foi escolhido o romance "The Known World", de Edward Jones, cuja trama se passa no século 19 e conta a história de um ex-escravo que se torna dono de escravos. Em terceiro, veio "Wolf Hall", premiado primeiro romance de Hilary Mantel sobre a vida de Thomas Cromwell.
Entre as ausências notáveis da lista, estão romances clamados como "Liberdade", de Jonathan Franzen, e "O Pintassilgo", de Donna Tartt. Dos livros selecionados, apenas um, "Billy Lynn's Long Halftime Walk", de Ben Fountain, não tem editora no Brasil.

Veja a lista completa abaixo.
1. "A Fantástica Vida Breve de Oscar Wao" (Record), de Junot Díaz
2. "O Mundo Conhecido" (José Olympio), de Edward P. Jones
3. "Wolf Hall" (Record), de Hilary Mantel
4. "Gilead" (Nova Fronteira), de Marilynne Robinson
5. "As Correções" (Companhia das Letras), de Jonathan Franzen
6. "As Incríveis Aventuras de Kavalier & Clay" (Companhia das Letras), de Michael Chabon
7. "A Visita Cruel do Tempo" (Intrínseca), de Jennifer Egan
8. "Billy Lynn's Long Halftime Walk", de Ben Fountain
9. "Reparação" (Companhia das Letras), de Ian McEwan
10. "Meio Sol Amarelo" (Companhia das Letras), de Chimamanda Ngozi Adichie
11. "Dentes Brancos" (Companhia das Letras), de Zadie Smith
12. "Middlesex" (Companhia das Letras), de Jeffrey Eugenides
13. "Americanah" (Companhia das Letras), de Chimamanda Ngozi Adichie
14. "Austerlitz" (Companhia das Letras), de W.G. Sebald
15. "L'Amica Geniale" (no prelo pela Biblioteca Azul), de Elena Ferrante
16. "A Linha da Beleza" (Nova Fronteira), de Alan Hollinghurst
17. "A Estrada" (Alfaguara), de Cormac McCarthy
18. "NW" (Companhia das Letras), de Zadie Smith
19. "2666" (Companhia das Letras), de Roberto Bolaño
20. "O Grande Incêndio" (Companhia das Letras), de Shirley Hazzard

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber