Entretenimento

Rafael Ilha e Aline Kezh falam da vida após prisão: 'Nos uniu mais'

Da Redação ·
Rafael Ilha e a namorada, Aline Kezh (Foto: Iwi Onodera / EGO)
Rafael Ilha e a namorada, Aline Kezh (Foto: Iwi Onodera / EGO)

O período ruim que Rafael Ilha e sua namorada, Aline Kezh, passaram em julho deste ano, quando foram presos acusados de tráfico internacional de armas, já foi superado pelo casal. Quase três meses após o episódio, os dois dizem estar muito felizes e que ficaram ainda mais unidos depois de tudo. “Agora é vida nova, estamos muito bem”, festeja o ex-Polegar ementrevista exclusiva ao EGO. “Isso tudo não abalou em nada nosso relacionamento, pelo contrário, nos uniu mais”, confirma Aline.

continua após publicidade

Ao lado da companheira, Rafael lembra que quando foi detido em Foz do Iguaçu estava mais preocupado com ela do que com ele mesmo. “Pensava no medo que ela estava sentindo. A penitenciária que eu estava era muito perto da cadeia dela, dava para ver da janela”, lembra. “Eu também estava muito preocupada com ele, tanto que queriam me transferir, porque na cadeia em que eu estava não tinha cela especial, que eu tinha direito por ter superior completo. Mas eu não queria ficar longe de onde ele estava. Onde eu fiquei, na triagem, tinha uma cela lá chamada ‘seguro’, onde havia pessoas que cometeram crimes como estupro, latrocínio, coisas pesadas. No começo fiquei muito assustada, mas depois fiquei mais com saudade do Rafael mesmo”, conta Aline.

O processo relacionado ao tráfico de armas ainda está em andamento, mas Rafael acha que foi menos julgado do que imaginava. “O negócio de você falar ‘tráfico de armas’ é muito pesado. Aline é formada em comércio exterior; eu sou produtor. Mas é mais estardalhaço que fazem do que um julgamento mesmo”, ressalta.

Casamento e filhos
Agora, Rafael e Aline só querem saber de fazer planos para o futuro. Morando juntos há quase dois anos, eles pensam em fazer uma festa para celebrar a união. “Já nos consideramos casados. Não temos vontade de casar no civil, mesmo porque os casamentos que tivemos antes, de papel passado, não deram certo. A gente queria só fazer uma festa mesmo e agradecer a Deus por estarmos juntos”, afirma ele. “A gente não precisa assinar alguma coisa, eu nunca pensei nisso, não é o mais importante”, completa ela.

continua após publicidade

O casal também quer aumentar a família em breve. “A gente pensa em ter filhos todos os dias. Mas vamos ‘encaminhar’ no começo do ano que vem, queremos organizar umas coisas antes”, explica Rafael, que já é pai de Kauan, de 11 anos, de seu casamento anterior: “Meu filho ama a Aline, eles se dão muito bem. Quando estão juntos, ela vira uma pré-adolescente (risos). Eles fazem uma bagunça”.

'Ele é muito romântico'
Rafael e Aline se conheceram em 2012, quando ainda eram casados com outras pessoas.  “Eu a  vi em um shopping e me aproximei, puxando assunto, sendo simpático. Aí, papo vai e papo vem, ela viu quem eu era. Nunca mais nos vimos. Até que no ano retrasado me separei e a reencontrei na internet. Aí, começamos a conversar. Ela estava em um casamento falido, começou a desabafar. Um tempo depois ela se separou e ficamos juntos”, recorda ele.

Os dois confessam que chegam a ficar quase 24 horas por dia juntos. “Somos muito companheiros, adoramos conversar. É uma parceria muito grande. As briguinhas que temos são coisas bobas. Aonde um vai, o outro vai. Se escuto uma música que me lembra ela, gravo e mando cantando”, conta Rafael. “Ele é bem romântico. Eu não estava acostumada com esse tipo de tratamento, de ter alguém carinhoso assim do meu lado”, elogia Aline.