Entretenimento

Amigos e fãs prestam as últimas homenagens a José Wilker

Da Redação ·
 Amigos e fãs prestam as últimas homenagens a José Wilker (Foto: ego.globo.com)
fonte:
Amigos e fãs prestam as últimas homenagens a José Wilker (Foto: ego.globo.com)

Familiares, amigos e fãs de José Wilker se despedem do ator e diretor desde a noite de sábado (5). O corpo está sendo velado no Teatro Ipanema, na Zona Sul do Rio. O artista morreu aos 67 anos em decorrência de um infarto. A cerimônia, que foi aberta ao público às 23h40, só termina às 15h deste domingo (6). Em seguida, às18h, ele será cremado no Memorial do Carmo, no Caju, Zona Portuária, em evento fechado.

A namorada do ator, Cláudia Montenegro, retornou ao local por volta das 7h15. O ator Marcos Oliveira, que interpreta o Beiçola, na "Grande Família", compareceu ao teatro pouco tempo depois carregando uma rosa branca. Ele disse que era um grande admirador de Wilker.
 

continua após publicidade
confira também



"Eu não tinha relação de amizade com ele. Sou um admirador e nunca tive o prazer de contracenar com ele. Sempre admirei muito seu trabalho. Era inspirador tudo que ele fez na relação de ator, de comportamento e relacionamento. Então, vim fazer a última homenagem, pois acho que ele merece mais que isso", disse Oliveira.

A primeira fã a chegar ao velório neste domingo foi a arquiteta Ana Buarque. Vizinha ao teatro, ela disse que ficou emocionada quando soube da notícia. "Eu o admirava muito pelo talento e voz. Como moro ao lado e vi que ontem havia fila, então desci para prestar minha homenagem assim que acordei", contou Ana Buarque.

Muitos colegas de profissão já passaram pelo local desde sábado. Entre eles, os atores Tony Ramos, Renata Sorrah, Ary Fontoura, Giulia Gam, Marieta Severo, Eriberto Leão, Vera Holtz, Natália do Vale, Susana Vieira, Malu Mader e Marcelo Serrado. Os fãs faziam fila na porta do Teatro Ipanema para prestar as últimas homenagens.

“Eu sou a maior viúva de todas as atrizes. Que me desculpem os outros atores, mas o Wilker era especial”, disse Susana Vieira, que lembrou o personagem Giovane Improta, da novela ‘Senhora do destino’, que sempre dizia “Se precisar, estou aqui”. “Como pessoa ele sempre foi assim. Sempre disponível para os amigos. Vou aproveitar vocês [jornalistas] para mandar um recadinho para ele. Zé, fica aí, bem bonitinho, com sua meinha colorida, seu tênis cor de rosa. Não sei onde você está, mas fica aí, bem bonitinho”, disse a atriz, que prometeu escrever uma crônica sobre o amigo.

O teatro, segundo familiares, foi escolhido porque foi no local que Wilker deu início à carreira de ator, na peça "O arquiteto e o imperador da Assíria", em 1970 — o artista foi premiado pela sua interpretação.

I
nfarto fulminante

Wilker morreu nesta madrugada, aos 67 anos, após sofrer um infarto fulminante na casa de sua namorada, também em Ipanema. A cerimônia, aberta ao público, só termina às 15h deste domingo (6). Em seguida, às 18h, ele será cremado no Memorial do Carmo, no Caju, Zona Portuária, em evento só para amigos e familiares.

Fonte/autoria: 
Flávia Rodrigues Do G1, no Rio