Entretenimento

Videogames violentos vão parar na sala de aula

Da Redação ·
 Jogos violentos como Call of Duty poderão ajudar estudantes a desenvolver melhor o raciocínio e aprender a aprender de forma mais rápida
fonte: Foto por Divulgação
Jogos violentos como Call of Duty poderão ajudar estudantes a desenvolver melhor o raciocínio e aprender a aprender de forma mais rápida

Cada vez que joga um videogame, o jogador está melhorando sua visão e outras funções do cérebro, revelou um estudo apresentado em uma conferência sobre videogames como uma ferramenta de aprendizado, realizada na Universidade de Nova York.

continua após publicidade

Segundo Daphne Bavelier, professora do departamento de ciência cognitiva e do cérebro da Universidade de Rochester, “as pessoas que jogam esses jogos de ritmo rápido possuem uma melhor visão, e uma maior facilidade de adquirir conhecimento”.

continua após publicidade

Ela foi a apresentadora de um simpósio, chamado Jogos para o Aprendizado, sobre os usos dos videogames e dos jogos de computador, revelou o site The Huffington Post.

continua após publicidade

Primeiro evento sobre o assunto, ele mostra que os jogos eletrônicos estão sendo levados a sério na sala aula. Os debatedores discutiram como as pessoas aprendem e como os jogos podem ser desenvolvidos para ser mais educacionais ainda.

Sigmund Tobias, da Universidade de Nova York, disse que um estudo da força aérea israelense revelou que alunos que jogavam o videogame Fortaleza Espacial tinham um desempenho melhor em seu treinamento de piloto do que aqueles que não jogavam.

continua após publicidade

Ele acrescentou que os alunos que jogavam jogos sociais, que promovem a cooperação, tendiam a ajudar os outros em situações da vida real, como intervir quando alguém estava sendo molestado.

continua após publicidade

A pesquisa de Daphne focou nos jogos de primeira pessoa, como Unreal Tournament e Medal and Honor, nos quais o jogador é um soldado aliado durante a Segunda Guerra Mundial.

A cientista disse que os jogos do tipo mate-ou-morra podem melhorar a visão periférica e a habilidade de ver objetos no escuro. E que eles podem ser usados para tratar ambliopia, ou olho preguiçoso, uma doença caracterizada pela má visão em um dos olhos.