Entretenimento

Cobain, Lennon e Tupac ajudam a vender cerveja em comercial polêmico

Da Redação ·
Kurt Cobain foi um dos artistas "ressucitados" no comercial.
fonte: Foto: Arquivo
Kurt Cobain foi um dos artistas "ressucitados" no comercial.

Kurt Cobain, líder do Nirvana, o Beatle John Lennon, o rapper Tupac, o rei do rock Elvis Presley, a atriz Marilyn Monroe e o mestre do kung fu Bruce Lee não morreram. Na verdade, eles vivem escondidos numa ilha, onde passam o dia todo pegando sol e tomando cerveja. Essa é a premissa de um polêmico comercial holandês da marca Bavaria Radler, lançado nesta semana.

O comercial exibe sósias de todas essas personalidades artísticas consumindo a cerveja num local paradisíaco, servidos por uma garçonete que se chama Jude --nome inspirado na célebre faixa "Hey Jude", dos Beatles.

Quando Bruce Lee avista um navio se aproximando, as estrelas se apressam em esconder a ilha do capitão. Embora alguns fãs dos artistas tenham achado a propaganda engraçada, outros têm criticado a iniciativa nas redes sociais. "Uau! Isso é muito ruim, terrível", disse um usuário do Twitter. "Pelo menos Kurt ainda está bonitão", tuitou outra.

"O comercial é realmente de mau gosto", destacou a revista "Spin". Já o site "Consequence of Sound" diz que, como a Bavaria Radler provavelmente não tem os direitos sobre a imagem de cada um dos retratados, é melhor "assistir ao vídeo antes que tirem do ar".

Não é a primeira vez que celebridades que já morreram são usadas em comerciais. No início do ano passado, Audrey Hepburn foi recriada digitalmente numa publicidade de chocolate.

Ainda em 2013, quando a morte de Bruce Lee completou 40 anos, sua imagem foi utilizada numa propaganda de uísque. Curiosamente, o ator era abstêmio e dizia ser contra qualquer bebida alcoólica.

continua após publicidade