Entretenimento

Advogado diz que Pato cortou até internet de Sthefany

Da Redação ·
 Deve ser tumultado o divórcio de Sthefany Brito e Alexandre Pato
fonte: Ag News
Deve ser tumultado o divórcio de Sthefany Brito e Alexandre Pato

Deve ser tumultado o divórcio de Sthefany Brito e Alexandre Pato. O advogado do jogador deu entrada em um processo litigioso nesta semana e o ex-casal ainda tenta entrar em um acordo.

continua após publicidade

A atriz reinvindica um "auxílio financeiro temporário", até que se recoloque profissionalmente no Brasil. Segundo o advogado dela, Ricardo Brajterman, "não é uma pensão, é apenas uma ajuda para que ela possa manter uma casa, ter plano de saúde, levar a vida que ela tinha no Rio antes do casamento. A Sthefany não é maria chuteira: ela é uma atriz reconhecida, que tinha contratos de publicidade, um emprego na Globo. Não é justo ela voltar ao Brasil em uma situação pior da que tinha antes do casamento".

continua após publicidade

Já o advogado de Pato, João Paulo Lins e Silva, garante que "ninguém está brigando". Segundo ele, "assim que os advogados sentarem tudo será resolvido. Ninguém precisa complicar a situação. Ele vai cumprir o que estava em contrato e vamos chegar em um acordo, tenho certeza".

continua após publicidade

Apesar de Alexandre e Sthefany serem casados em regime de separação total de bens, existe um pacto pré-nupcial mencionando que ela tem direito a 15% dos bens comprados pelo casal. "É contraditório, mas foi feito dessa forma e ele vai respeitar, dar o que ela tem direito. O Alexandre quer apenas terminar isso logo, ele não quer mais ficar casado", diz João Paulo.

Já o advogado da atriz conta que a relação não anda tão boa - e simples - assim: "ele era um marido muito carinhoso e, de uma hora pra outra, coincidentemente na mesma época em que sofreu uma contusão, começou a não dar mais atenção à mulher e a frequentar noitadas. Com as brigas, ele isolou Sthefany: cortou a internet e até o cartão de crédito dela, deixando ela largada à própria sorte. Ela não tinha nem como comprar coisas pra casa, como comer, se ele não desse dinheiro".

continua após publicidade

Sthefany, que ainda está na Itália com a mãe, no apartamento que dividia com o jogador - Pato se mudou de lá há cerca de três semanas - "aguarda a definição de questões patrimoniais, de identidade, questões no banco e da vida que construiu lá", segundo Ricardo.

João Paulo, advogado de Pato, no entanto, diz que um acordo já poderia começar a ser desenhado agora: "Eu conheço o Dr. Ricardo desde a faculdade. Ele poderia me ligar a qualquer momento e falaríamos sobre um acordo. Mas se ele prefere esperar a Sthefany ser citada, cumprir todas as formalidades da lei...".