Entretenimento

Remessas de smartphones crescem 50% em um ano

Da Redação ·
 Smartphones como o N8, da Nokia, lançado nesta semana, ajudaram a aquecer o mercado no último ano; empresa é líder em telefones inteligentes
fonte: Divulgação
Smartphones como o N8, da Nokia, lançado nesta semana, ajudaram a aquecer o mercado no último ano; empresa é líder em telefones inteligentes

As remessas de telefones inteligentes (smartphones) subiram 50% entre janeiro e março em comparação com o mesmo período do ano passado, o maior crescimento em três anos, em que a Apple e a Nokia ganharam fatia de mercado, mostrou uma pesquisa.

continua após publicidade

A SA (Strategy Analytics) disse, em comunicado, nesta sexta-feira (30), que 54 milhões de smartphones - aparelhos com recursos de computador - foram distribuídos no trimestre, correspondendo a 18% do mercado de celulares.

continua após publicidade

- Esse foi o período mais forte de crescimento em quase três anos e o mercado de smartphones está tirando a indústria da recessão.

continua após publicidade

A empresa de análises explicou que as vendas estão sendo puxadas por subsídios de operadoras, por uma forte competição entre os concorrentes e pela crescente leva de modelos mais baratos que usam sistemas operacionais como Symbian e Android.

A SA acrescentou que a fatia de mercado da Apple subiu de 10,6% para 16,4% em um ano, enquanto a líder do segmento, a Nokia, passou de 38,2% para 40%. A RIM, fabricante do BlackBerry, caiu de 20,3% para 19,7%.

continua após publicidade

Mas o crescimento da Nokia veio ao custo de margens de lucro. Na semana passada, a empresa disse que o preço médio de venda de seus aparelho caiu 17% em um ano, para somente R$ 356,43 contra os mais de R$ 1.037,4 do iPhone.