Entretenimento

Aeronave revolucionária dos EUA falha em teste

Da Redação ·
 Concepção artística do avião HTV-2, que perdeu contato com o controle da missão nove minutos após início do voo
fonte: Foto por Reprodução/R7
Concepção artística do avião HTV-2, que perdeu contato com o controle da missão nove minutos após início do voo

Os especialistas das forças armadas americanas perderam contato com um planador supersônico nove minutos depois do início de seu voo inaugural, na semana passada. O anúncio foi feito pelo Darpa, a agência de pesquisas do Pentágono.

continua após publicidade

O aparelho Hypersonic Technology Vehicle 2 (HTV-2), que não carrega piloto, foi concebido para voar nas zonas mais altas da atmosfera terrestre, a uma velocidade que pode alcançar Mach 20 (20 vezes a velocidade do som, ou algo como 20.921 km/h). O HTV-2 foi lançado na semana passada, a bordo de um foguete Minotaur IV, da base aérea Vanderberg.

continua após publicidade

O voo de teste previa uma missão de 30 minutos durante a qual o planador deveria alcançar sua velocidade máxima e depois cair no oceano Pacífico. O planador se separou do foguete impulsor sem problemas, mas o contato se perdeu pouco depois. Johanna Spangenberg Jones, porta-voz do DARPA, diz que "um exame preliminar dos dados indica que o HTV-2 teve êxito em voar na atmosfera a uma velocidade superior a Mach 20, mas depois o contato foi perdido".

O aparelho foi construído pelo gigante americano da aeronáutica Lockheed Martin, e foi classificado de revolucionário pelas forças armadas.