Entretenimento

Escrito nas Estrelas estreia na Globo

Da Redação ·
 Nathalia Dill viverá a protagonista junto com Jayme Matarazzo
fonte: Divulgação
Nathalia Dill viverá a protagonista junto com Jayme Matarazzo

Quem adora chegar em casa e acompanhar uma novela, terá novidades no horário das 18h nesta segunda-feira (12). “Escrito nas Estrelas” estreia esta noite e promete emoções e temas que são pouco abordados, como o espiritismo, o misticismo e a ciência genética.  

continua após publicidade

Com Nathalia Dill como protagonista, a nova novela da Rede Globo contará a história de um amor impossível – por meios físicos. Nathalia dará vida a Viviane que viverá um romance com o personagem de Jayme Matarazzo, Daniel, um estudante de medicina. Os dois se conhecem, e logo em seguida, o jovem sofre um acidente de carro mortal. Porém, a comunicação entre o casal apaixonado não termina: Daniel consegue manter contato com a amada, pelo plano espiritual.  

O médico conceituado Ricardo Aguillar, vivido por Humberto Martins, é viúvo e foca sua atenção total em seu único filho, Daniel. Mas os dois não vivem muito bem, não. Cheio de intrigas e visões diferentes de mundo, Ricardo e Daniel sempre estarão ora unidos, ora desunidos. Porém, com a morte drástica do estudante de medicina, o pai sentirá uma grande perda.  

continua após publicidade

Sem o filho, Ricardo também terá uma surpresa: Daniel congelou o próprio sêmen para fazer um estudo futuro. E é a partir deste momento que a trama começa a se delinear: Ricardo decide fazer uma inseminação artificial para gerar um neto, e sai à procura da mãe ideal para o filho de seu filho morto.  

E como estava “Escrito nas Estrelas”, Ricardo acaba escolhendo Viviane, sem saber que ela já tinha se apaixonado por Daniel. Porém, nem tudo são flores. O médico acaba se apaixonando pela jovem, e ela, por sua vez, fica dividida por dois amores: um pai vivo, e um filho morto – com quem pode continuar o romance apenas por espiritualidade.  

A nova trama global das 18h tem autoria de Elizabeth Jhin e direção de núcleo de Rogério Gomes.