Entretenimento

Semi Salomão interpreta 50 personagens em novo filme

Da Redação ·
  Apucaranense se apresenta o stand up do personagem ‘’Pai Tetê’’, no Corujão da Poesia, no Rio de Janeiro.
fonte: Divulgação
Apucaranense se apresenta o stand up do personagem ‘’Pai Tetê’’, no Corujão da Poesia, no Rio de Janeiro.

Apaixonado pelo mundo do cinema desde pequeno, o apucaranense Semi Salomão Neto, 29 anos, escreve, atua, produz, dirige e até financia seus próprios filmes. Com nome já conhecido no Brasil na cinematografia ‘trash’ ou cinema de bordas – termo dado pelos estudiosos ao estilo artesanal, o jovem cineasta teve sua fama reconhecida quando lançou “A Bruxa do Cemitério”, em 2004. Atualmente, ele se prepara para lançar seu 8º filme, “Eu sou Rio”.

Com duração de 1 hora e 20 minutos, o longa conta a história de um homem arruinado na vida que está prestes a cometer suicídio quando tem uma visão celestial com Deus, nas palavras do cineasta. Ele ganha uma segunda chance e terá sete dias para viver inúmeras aventuras na pele de um rico empresário até um mendigo. “O cenário utilizado é o Rio de Janeiro e interpreto mais de 50 personagens, entre eles um pai de santo e uma ex-prostituta. O filme é rico em criatividade, surrealismo e comédia”, explica o apucaranense.

Além de gravar na Cidade Maravilhosa, o cineasta está fazendo algumas imagens em Apucarana, na chácara de um amigo da família. “A seleção para os personagens aconteceu de última hora e foi realizada pelas redes sociais. Muitas pessoas se inscreveram e agora contamos com cerca de 20 voluntários de Apucarana e região. Entre eles, atores que interpretam personagens inusitados na comédia”, define o apucaranense.

Trabalhando com um orçamento estimado entre R$5 a R$15 mil, o diretor pretende apresentar um trabalho único e singular ao público. “Toda a verba utilizada sai do meu bolso, mas claro que gostaria de contar com a ajuda de alguma empresa ou empresário da região”, explica Salomão, que além de interpretar todos os principais personagens do filme também escreve o roteiro, edita, dirige, canta, filma, compõe a trilha e faz a produção do longa-metragem.

Paralelamente com o projeto do filme, o apucaranense se apresenta o stand up do personagem ‘’Pai Tetê’’, no Corujão da Poesia, no Rio de Janeiro. 

Trajetória - O cinema encanta Semi Salomão desde os 12 anos, quando começou a criar animações, vinhetas e sátiras, utilizando uma filmadora analógica. “Em 1996 apresentei meu primeiro trabalho ao público, o ‘’Festival Esmair’’. Ele era cheio de desenhos animados inspirados na caricatura de um professor. Fez sucesso na escola”, lembra o ator. No ano seguinte, Semi dirigiu o curta metragem “Fenômenos Místicos’’, em Minas Gerais e após 2 anos, produziu o primeiro filme da carreira chamado ‘’O Reencarnado’’.

Depois daí a carreira do apucaranense deslanchou e vieram muitos trabalhos como O Reencarnado, Visita Inesperada, A Bruxa do Cemitério, Gaijin2, Histórias do Sobrenatural, Hotel América, Envolvimentos Perigosos, A Bruxa do Cemitério 2, Mestre Salomão e “Callisse”. Entre os filmes citados, um deles se destaca entre os mais especiais na carreira de Semi. Segundo ele, o longa “Historias do Sobrenatural’’, que apresentava 3 histórias de terror foi o que mais marcou em sua trajetória. “Foi muito marcante. Tive duas participações inesquecíveis, a de Elba Ramalho e Carlos Vereza”, conta Semi. Todo ator tem um personagem que marca mais e o que mais significante para o apucaranense foi o vilão Ravel, do filme “Envolvimentos Perigosos’’. E o jovem cineasta não para por aí. Em 2013, ele vai atuar em uma peça e em um filme do ator Carlos Vereza. “No longa vou interpretar um vilão e acredito que irei mostrar todo meu talento através deste personagem”, conclui o apucaranense.

continua após publicidade