Entretenimento

“Deixai vir a mim as criancinhas, porque delas é o reino dos céus”

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia “Deixai vir a mim as criancinhas, porque delas é o reino dos céus”
fonte: Divulgação
“Deixai vir a mim as criancinhas, porque delas é o reino dos céus”
continua após publicidade

Certa vez ao cair da tarde, Jesus a caminho da Galileia encontrou duas crianças que brincavam alegremente. Parou por uns instantes para contemplá-las. O mestre via algo divino no inocente jogo dos pequeninos.  A pureza das crianças o embevecia.

Ao vê-lo, as crianças correram ao seu encontro, pois sabiam que era o “Homem Milagroso”, que ressuscitava e curava os doentes. E vieram correndo exclamando: - Rabi! Rabi! Como és milagroso!

Uma das crianças acariciava suavemente as mãos de Jesus; enquanto uma delas falou: - Se és tão milagroso, dê-me uma moeda de ouro para que eu compre um cordeirinho; minha mãe é tão pobre! Eu queria ter como as crianças ricas, um cordeirinho para brincar.

Jesus escutou sorrindo e docemente perguntou a outra criança: - E tu, que queres? - Eu quero uma estrela, Rabi. Se fores milagroso, dá-me uma estrela.

Jesus ficou por um instante em silêncio. Depois, inclinou-se e, tomando um punhado de barro do caminho, o levou com suas mãos puras para o céu.

Então, o barro se transformou em ouro luminoso, onde saltaram um punhado de moedas, que deu a uma das crianças para que comprasse seu cordeirinho.

Esta, cheia de alegria, não pensando mais senão no cordeirinho, beijou as mãos milagrosas e se afastou correndo pelo caminho.

A outra criança ansiosa, olhando o Nazareno, aguardava silenciosa.

Jesus, imóvel, permanecia diante dela pensativo...

Em dado momento tomou entre as suas mãos a linda cabecinha da menina, beijou-lhe a face pura e aconchegando os lábios aos ouvidos disse-lhe: - A estrela que me pedes, está em ti mesmo!

Cuida para que nunca se apague o seu divino fulgor!

***

Neste doze de outubro, Virgem Maria, intercedei por nós perante o Pai, perante o vosso Filho Jesus, em favor de todas as nossas crianças, livrando-as de todas as adversidades.

CUIDANDO DE NOSSAS CRIANÇAS

Disque denúncia de abuso e exploração contra crianças e adolescentes – disque 100

Policia Militar 181 ou 190 – Discagem direta e gratuita.

Pais, educadores ou outras pessoas não devem ficar omissos quando perceberem algo diferente na criança ou no adolescente.
________________________________________

OS DESOCUPADOS

Os desocupados que passam trotes ou dão informações desencontradas procurem-se conscientizar da dor e do sofrimento daqueles que são acometidos por tal infortúnio.