Entretenimento

Marcelo Faria tenta acordo com segurança agredido em casa de shows

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Marcelo Faria tenta acordo com segurança agredido em casa de shows
fonte:
Marcelo Faria tenta acordo com segurança agredido em casa de shows
continua após publicidade
O encontro no escritório do advogado de Marcelo Faria, Técio Lins e Silva, no Centro foi marcado por um aperto de mãos entre o ator e o segurança Fabricio Lopes. Foi feito um pedido de desculpas pessoalmente, mas nada ficou decidido sobre um acordo financeiro ou um processo judicial.
 
A coluna conversou com exclusividade com Fabricio, que ainda circula com os seis pontos na testa (ele deve tirar nesta quinta-feira). O rapaz falou sobre o aperto de mãos:
 
“Foi complicado... Eu senti que deveria apertar a mão dele. Educação acima de tudo. Se Deus perdoa, eu também posso perdoar. Mas, até então, que a Justiça resolva”.
 
Não se falou no valor de um possível acordo financeiro. É o que conta o advogado do segurança, Edmilson Sobral Ferreira da Silva:
 
“Marcelo reconheceu que errou e se desculpou. Pareceu sincero ao mostra-se arrependido. O Fabricio está muito magoado, continua insatisfeito. Não aconteceu um oferecimento de um acordo financeiro. Não há o que se falar financeiramente no momento. Fabricio quer ir para casa e conversar com a mulher, ele está muito chateado ainda. Achamos prematuro falar nessa parte financeira”
 
Fabricio deixou o encontro sem saber se toparia um acordo financeiro: “Por enquanto, acordo é uma hipótese. Até então, que a Justiça resolva o caso”.
 
Ao deixar o prédio onde aconteceu a reunião, Marcelo quis evitar ser fotografado e se protegeu atrás de um funcionário até entrar num táxi.