Entretenimento

Caso Tom Cruise e Kate Holmes é comparado com filme de terror

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Caso Tom Cruise e Kate Holmes é comparado com filme de terror
fonte: Divulgação
Caso Tom Cruise e Kate Holmes é comparado com filme de terror
continua após publicidade

O casamento de Tom Cruise e Katie Holmes chegou acabou, mas as teorias sobre o motivo do fim do relacionamento ainda permanece.

Segundo uma biografia não autorizada do ator hollywoodiano, a história do ex-casal pode ser comparada ao clássico do terror, O Bebê de Rosemary (1968).

De acordo com o livro, lançado em 2008 nos Estados Unidos, Suri, a filha de seis anos de Tom e Katie, teria sido gerada pelo esperma congelado do criador da cientologia, L. Ron Hubbard. O ator aderiu à religião, e a segue fervorosamente. Outra teoria diz que Suri seria a reencarnação do criador.

Tom Cruise: Uma Biografia Não-Autorizada, livro que passou semanas entre os mais vendidos da Amazon, leva a assinatura do jornalista britânico Andrew Morton, também autor de uma biografia da princesa Diana.

Longe de questionar a sensatez das teorias da cientologia, Morton toma partido pela segunda, a da reencarnação. “Quando Ron Hubbard morreu, em 1986, acreditava-se que ele reencarnaria em 20 anos, isto é, 2006, ano em que Katie Holmes ficou grávida”, disse o autor à revista americana US Weekly, à época do lançamento.

O autor também relata que Suri - ainda bebê - foi alimentada pelos pais com uma fórmula à base de cevada recomendada por Ron Hubbard – qualquer semelhança com a história de O Bebê de Rosemary, em que a personagem grávida de Mia Farrow é nutrida, sem saber, com um alimento da seita do marido, é mera coincidência.

Em meio as bizarrices do marido, Katie teria decidido pedir divórcio, não apenas por ter se cansado das maluquices, mas também para proteger sua filha. A prova disso é que a atriz exige na Justiça a guarda exclusiva da menina.