Entretenimento

‘Maior desafio foi vencer a timidez’, diz angolana eleita Miss Universo

Da Redação ·
 A angolana Leila Lopes é coroada Miss Universo
fonte: Paulo Whitaker / Reuters
A angolana Leila Lopes é coroada Miss Universo

Dona de um sorriso marcante e de uma simpatia quase unânime, a jovem Leila Lopes, 25 anos, precisou vencer a timidez para garantir, na noite desta segunda-feira (12), o título de mulher mais bela do mundo na 60ª edição do Miss Universo. Leila disputou a coroa com outras 88 candidatas, no Credicard Hall, em São Paulo. A angolana levantou o público em suas aparições e esteve entre as favoritas para aqueles que acompanharam a final.

continua após publicidade

“Eu sempre fui muito envergonhada, então tive que vencer a timidez para participar. Via as outras candidatas e sabia que tinha que ser mais solta. Acho que consegui. Meu sorriso é um grande espelho da minha personalidade”, afirmou, em entrevista coletiva concedida após o título, na madrugada desta terça-feira (13).