Economia

Todos os 9 grupos pesquisados tiveram alta de preços no IPCA-15 de junho

Daniela Amorim (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A alta de 0,69% na prévia da inflação oficial em junho foi decorrente de aumentos em todos os nove grupos de produtos e serviços que integram o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

continua após publicidade

As famílias pagaram mais por Habitação (0,66%), Transportes (0,84%), Comunicação (0,36%), Alimentação e Bebidas (0,25%), Vestuário (1,77%), Educação (0,07%), Artigos de Residência (0,94%), Despesas Pessoais (0,54%) e Saúde e Cuidados Pessoais (1,27%).

A alta de custos de Vestuário, grupo de maior variação em junho e impacto de 0,08 ponto porcentual, teve como destaques os aumentos das roupas femininas (2,52%), masculinas (1,97%) e infantis (1,51%), além dos calçados e acessórios (1,19%). Os itens contribuíram juntos com 0,08 porcentual para o IPCA-15 do mês.

continua após publicidade

Regiões

O resultado geral do IPCA-15 em junho foi decorrente de aumentos de preços em todas as 11 regiões pesquisadas.

A taxa mais branda ocorreu em Belém (0,18%), enquanto a maior variação foi registrada em Salvador (1,16%).