Economia

Taxas longas de juros operam estáveis e demais mantém viés de baixa

Da Redação ·

Os juros futuros longos operam estáveis nesta quinta-feira após a divulgação da oferta do leilão de LTN, NTN-F e LFT do Tesouro, cujo risco para o mercado foi menor do que o anterior com mesmo vencimentos. Antes disso, foi divulgado também um resultado mais fraco do esperado do PIB dos Estados Unidos do segundo trimestre. O crescimento foi de 6,5% na margem, abaixo da expectativa de alta de 8,5%. Os juros curtos e médios ainda sustentam leve baixa. Às 10h55, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2027 estava em 8,76%, mesma taxa do ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2023 recuava para 7,66%, de 7,69%, e o para janeiro de 2022 exibia mínima de 6,22%, de 6,26% no ajuste de ontem.

continua após publicidade