Economia

Rejeitada emenda que elevava tempo de estabilidade para funcionários dos Correios

Da Redação ·

A Câmara dos Deputados rejeitou por 263 votos a 160 uma emenda apresentada pelo PT ao PL dos Correios que aumentava de um ano e meio para cinco anos a previsão de estabilidade dos funcionários da estatal assim que ela for privatizada.

continua após publicidade

O texto-base foi aprovado no período da tarde desta quinta-feira pelo plenário da Câmara.

Após o plenário finalizar a deliberação dos destaques, a proposta poderá seguir para apreciação do Senado.