Economia

Procon: Preço médio da gasolina no RJ cai abaixo do projetado com redução de ICMS

Gabriel Vasconcelos (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O preço médio do litro de gasolina no Rio de Janeiro caiu para R$ 6,39 e o etanol chegou a R$ 5,26, superando as projeções de queda dos preços na bomba doze dias após governo do Estado diminuir o ICMS sobre combustíveis, energia elétrica e transportes para 18%, em linha com a legislação federal.

continua após publicidade

No caso da gasolina, cujo ICMS incidente caiu de 32% para 18%, a queda do preço final também foi de 18%, ou R$ 1,41 por litro. A variação é superior à estimativa de variação do governo estadual, de R$ 1,19, e que levaria a um preço de R$ 6,61 por litro.

Uma operação chefiada por técnicos de secretarias do governo estadual e apoiada pelo Procon-RJ e policiais militares e civis fiscalizou a redução dos preços em 471 estabelecimentos até ontem. Em uma semana, foram feitas 120 autuações, que podem significar multas de R$ 800 mil a R$ 12,7 milhões.

continua após publicidade

Nesses postos autuados foram encontrados problemas como preço fora da expectativa após redução do imposto, ausência da tabela de transparência da composição de preços visível para os clientes e comercialização de gasolina fora da validade. Os postos têm 15 dias para apresentar a defesa.

Há uma discussão sobre a fiscalização de preços em um mercado de preços livres, mas o governo Claudio Castro (PL) já disse que trabalha com a tese de que o não repasse da diminuição do imposto para o preço ao consumidor final implicaria em crime de "apropriação indébita".

O governo informou, inclusive, que os agentes têm exigido o cumprimento do decreto federal 11.121, que prevê o comparativo dos preços atuais com os do período anterior ao corte do imposto. Embora a comparação explícita na placa de preços não seja obrigatória, os fiscais estaduais têm exigido adequações dentro dos mesmos 15 dias. A operação, nomeada "Lupa na Bomba", não tem prazo para terminar, informou o governo em nota.

continua após publicidade

Até ontem, na Região Metropolitana do Rio, o preço mais baixo encontrado para o litro da gasolina foi R$ 5,19 e, para o etanol, R$4,34 no bairro da Tijuca. Em Irajá, também na Zona Norte, foi verificado o preço mais alto do etanol no estado: R$6,99.

Na Baixada Fluminense, a gasolina mais barata era encontrada por R$ 5,79, no município de Belford Roxo, e o etanol por R$ 4,79, em Itaguaí. Em Niterói, o preço da gasolina variava entre R$ 5,69, e R$ 7,29, com o etanol entre R$ 4,59 a R$ 5,99. A gasolina mais cara do estado foi encontrada em Mangaratiba, custando R$ 7,90, informou o governo do estado.