Economia

Pode haver 'facilmente' alta de 50 pb nos juros em setembro, diz dirigente do Fed

Letícia Simionato (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Cleveland, Loretta Mester, afirmou nesta sexta-feira, 3, que poderá haver "facilmente" um aumento de 50 pontos-base (pb) na taxa básica de juros na reunião de setembro do Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês).

continua após publicidade

Em entrevista à CNBC, ela reforçou o que já havia dito quinta-feira, que a decisão de setembro dependerá de dados. "Preciso de evidências robustas para ter certeza que a inflação atingiu o pico", destacou.

Para os dois próximos encontro do FOMC, Mester comentou que acha apropriado elevar os juros em 50 pontos-base. "Estamos calibrando nossa política para atingir a meta de 2%. Levará algum tempo para chegarmos lá", ressaltou.

continua após publicidade

Quando perguntada sobre a possibilidade de recessão da economia americana, a banqueira central reiterou que os riscos aumentaram, no entanto, ela ponderou que não vê um "furacão" a caminho.